Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MUNDIAL COMEÇOU

Globo antecipa Copa do Mundo e prevê faturar R$ 2,8 bilhões com futebol

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Luís Roberto com uma blusa azul e falando sobre um jogo no Brasileirão

Luís Roberto foi sensação da Copa de 2018 na Globo: emissora já fatura com Mundial do Catar

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 17/3/2022 - 6h25

A Globo já fatura alto com a Copa do Mundo do Catar, que começa daqui a oito meses. Após fechar com três patrocinadores, a emissora passou a exibir as marcas em comerciais nesta semana. Ao somar o pacote comercial da competição organizada pela Fifa com as transmissões de futebol nacional, a líder de audiência prevê um faturamento de R$ 2,8 bilhões.

O banco Itaú, a operadora de telefonia Claro e a empresa de bebidas Ambev, que vai expor a marca Brahma, foram as três empresas que se anteciparam e compraram cotas de patrocínio da Copa do Mundo na Globo. O Notícias da TV apurou que nenhuma das companhias pagou menos de R$ 200 milhões --o que já projeta um valor mínimo de R$ 600 milhões.

Assim como fez no futebol nacional em 2022, a emissora não colocou um valor fixo e negociou cada cota individualmente. Na Copa da Rússia em 2018, a líder de audiência vendeu seis planos por R$ 180 milhões e arrecadou R$ 1,08 bilhão com os jogos.

A Globo começou a exibir chamadas com os parceiros comerciais na terça (15), no intervalo do BBB 22, e mostrou o mesmo vídeo no break de Um Lugar ao Sol na quarta (16). Novas exibições estão programadas até o fim deste mês.

A exposição faz parte do plano comercial do mundial de seleções, que deixa março como uma espécie de aquecimento dos trabalhos. Em abril, as chamadas vão se intensificar a partir do sorteio dos grupos da Copa, marcado para ocorrer no dia 1º.

A Globo espera fechar com todos os patrocinadores ainda neste mês e, assim, começar a entrega completa planejada. Ainda existem, pelo menos, outras três cotas disponíveis. Ambev e Claro são patrocinadoras regionais da Copa e utilizaram a preferência de negócio para parceiros Fifa.

Negócio bilionário

Para o futebol nacional, a Globo vendeu sete cotas e arrecadou cerca de R$ 1,8 bilhão. Se tudo sair conforme o planejado com o Mundial da Fifa, a emissora pode ter a arrecadação recorde de R$ 2,8 bilhões com o esporte mais popular do mundo. A venda da torneio é ainda mais importante em 2022 por se tratar de um ano de retomada para o maior conglomerado de mídia do país, após o auge da pandemia de Covid-19.

Ao todo, serão 56 jogos ao vivo na programação e outros oito em gravação exibida na madrugada, porque os duelos decisivos dos grupos na última rodada acontecem no mesmo horário. A Globo planeja enviar ao menos 100 profissionais para o Oriente Médio. Eric Faria será o correspondente e ficará seis meses no país. 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.