Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NOVA FASE

Leo Dias revela piora do vício em drogas na pandemia: 'Cheguei ao profundo do poço'

Reprodução/Youtube

Leo Dias em praia paradisíaca no nordeste, usando camiseta branca e exibindo bronzeado

Leo Dias participou deu entrevista ao Pânico, da Jovem Pan, direto de Pernambuco onde mora agora

REDAÇÃO

Publicado em 28/8/2020 - 14h46

O jornalista Leo Dias revelou que teve problemas emocionais graves e recaídas do vício em drogas devido ao isolamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus. Depois de refletir sobre seu estado, ele decidiu se mudar para Muro Alto, em Pernambuco, onde reside atualmente. "Cheguei ao profundo do poço", declarou ao programa Pânico, exibido no YouTube pela plataforma Panflix, nesta sexta-feira (28).

"A quarentena e a pandemia me fizeram chegar ao mais profundo do poço. E vir para cá [Muro Alto] foi um sacode pessoal. Estou me alimentando bem, acordando todos os dias às 5h da manhã. Teve um dia que eu dormi às 20h da noite. Estou malhando, cuidando do meu corpo, da minha saúde. É outra história", detalhou.

Contratado para comandar o programa Tô Na Pan, na mesma plataforma digital do Pânico, Leo Dias afirmou que era alertado pelos amigos sobre o estágio grave de seu vício, mas não acreditava.

"Durante um tempo a gente não se enxerga, sabe? Acha que está tudo normal. E as pessoas ao nosso redor tentam nos alertar, e a gente acha que elas estão viajando. Mas não temos ideia do quão mal estamos", completou.

Agora que leva uma vida saudável, ele não gostou de ver como estava no passado: "Às vezes, olho alguns vídeos meus, algumas fotos... Cara, eu estava péssimo! Estava no fundo do poço mesmo. E, quando a gente acha que o fundo do poço é o limite, a gente consegue chegar mais fundo ainda".

O Tô na Pan vai ao ar a partir da próxima segunda-feira (31), às 11h30. O jornalista vai dividir a atração com Ligia Mendes.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?

Muito bom, tem todo o conteúdo que os fãs da Disney amam.
19.71%
O catálogo é bom, mas há falhas e problemas no aplicativo.
8.46%
Não gostei, o conteúdo não me interessou.
17.51%
Não assinei, achei o preço muito alto.
54.32%