Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

'TOTALMENTE BARRADA'

Grávida de gêmeos, campeã do MasterChef é proibida de fazer sexo

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Imagem de Isabella Scherer, campeã do MasterChef

Isabella Scherer, campeã do MasterChef 2021; atriz foi barrada de transar durante gravidez

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 24/6/2022 - 13h22

Campeã do MasterChef Brasil 2021, Isabella Scherer foi proibida de fazer sexo durante a atual gestação de gêmeos. Na quinta-feira (23), a cozinheira explicou que a interrupção das atividades sexuais com o companheiro Rodrigo Calazans foi recomendada pelo médico por causa das alterações provocadas no corpo pela gravidez.

"Com 25 ou 26 semanas, fui no médico e o meu colo do útero tinha diminuído muito. Então, comecei a utilizar progesterona à noite; coloquei pessário, que é uma estrutura de borracha que coloca no colo do útero para dar sustentação, então relação sexual foi totalmente barrada pelo nosso médico", detalhou Isabella.

Na legenda do vídeo publicado nos Stories do Instagram, a ex-Malhação escreveu: "Estamos 100% barrados desde então". No relato, Isabella também disse que vivenciou uma situação incômoda nas relações sexuais que teve no início da gravidez.

"Sentia muita dor, muita ardência. Parecia que estava com candidíase, era muito esquisito. Depois melhorou, mas foi pouco tempo porque, quando melhorou, logo tive que botar o pessário", detalhou.

Isabella é filha do ex-nadador Fernando Scherer, o Xuxa. A atriz apareceu na TV aberta pela primeira vez em Malhação - Viva a Diferença (2017) --ela interpretou a vilã da história. A culinarista também fez a novela Bom Sucesso (2019) e seriados infantis na Disney Channel e Cartoon Network. Em 2021, ela venceu a oitava temporada do talent show culinário da Band. Confira o relato:


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.