Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

CUIDADOS EM CASA

Após inflamação nos rins, Ludmilla recebe alta e faz live para falar sobre tratamento

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Ludmilla em foto publicada no Instagram

Ludmilla em foto publicada no Instagram; cantora recebeu alta e fará live para conversar com os fãs

REDAÇÃO

Publicado em 17/5/2020 - 13h23

Após ficar cinco dias internada por conta de uma inflamação nos rins, Ludmilla recebeu alta na manhã deste domingo (17). A cantora prometeu fazer uma live, a partir das 20h, para explicar aos fãs sua situação e como continuará o tratamento em casa. "Obrigada por todas as mensagens de carinho e orações. Funcionou", disse a artista.

A funkeira gravou um vídeo na ferramenta Stories do Instagram para dar a notícia aos seguidores: "E aí, galera. Tudo bem com vocês? Acabei de ter alta do hospital. Para eu não ficar me estendendo muito aqui nos Stories, mais tarde, quando eu estiver de boa em casa, vou fazer uma live explicando tudo o que aconteceu comigo e como vou continuar o tratamento em casa. Beijo, amo vocês".

"Às 20h porque tem muita gente perguntando e não dá para responder todas as mensagens", escreveu na publicação. Pouco tempo depois, a cantora também fez uma postagem no Twitter: "Obrigada por todas as orações, eu acabei de chegar em casa".

Ludmilla foi internada em hospital no Rio de Janeiro na madrugada de quarta-feira (13) após sentir fortes dores abdominais. Ela foi diagnosticada com pielonefrite aguda, uma espécie de inflamação nos rins. Por conta da internação, a funkeira precisou cancelar a live que estava marcada para sábado (16). 

Confira as publicações da artista:

Desabafo e dores

Como prometido, Ludmilla fez uma live para responder as perguntas sobre sua internação e desabafou sobre as dores que sentiu: "Estava doendo demais! E nada da dor passar. Comecei a sentir febre, calafrios, dor insana, eu estava envergada. Brunna [Gonçalves] do meu lado de madrugada. Fui pro hospital com aquela dor infernal, insana", explicou.

A cantora explicou que a inflamação começou com infecção urinária, uma doença muito comum entre as mulheres. "A mulher me falou que eram os rins e fiquei preocupada. 'Você estava com uma bactéria de uma infecção urinária, subiu pros rins e passou a fazer pus'. Eu não queria ir pro hospital por causa do coronavírus, mas ela disse que eu estaria ferrada se não tivesse ido", contou Ludmilla.

Ao descobrir que teria que tomar morfina por causa das dores fortes, a funkeira se impressionou: "Ela falou que ia me dar morfina e eu: 'caraca, é o remédio do Michael Jackson!'. Eu estava com medo e pensava: 'Se vai acabar com a dor, pode me dar morfina, moça'. Fiquei com soro e morfina na veia, aí comecei a ficar com prisão de ventre e ela me deu outro remédio. Foi muito sofrido, doeu muito, minha família e eu ficamos tensos", afirmou ela.

TUDO SOBRE

Lives

Ludmilla

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?