Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ALEXANDRE CORREA

Ana Hickmann chora ao falar do câncer do marido: 'Um soco no estômago'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Ana Hickmann e Alexandre Correa em vídeo para o YouTube da apresentadora em 12 de novembro de 2020

Ana Hickmann e Alexandre Correa em vídeo para o YouTube; empresário está com câncer

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 12/11/2020 - 22h39

Ana Hickmann não segurou as lágrimas ao falar sobre o câncer com metástase do marido, Alexandre Correa. A apresentadora da Record e o empresário decidiram comentar o diagnóstico em um vídeo para o canal do YouTube da artista, nesta quinta-feira (12). "Foi um soco no estômago para a gente", declarou ela ao detalhar o momento em que souberam que se tratava de um carcinoma na região da garganta.

Na gravação, Correa detalhou como sentiu que algo não estava bem em seu corpo e com sua saúde. "Sendo objetivo, dia 27 de dezembro eu estava na casa de uns amigos em Maresias [São Paulo]. E após ficar umas duas horas pilotando jet ski no sol. Foi muito gostoso o passeio, falaram: 'Seu pescoço está com uma bola'. Fui no banheiro, percebi uma elevação", relatou.

"De noite, já estava bem mais proeminente. Peguei a minha família, Ano-Novo com festa programada. Estraguei a festa de todo mundo de Réveillon. Sobe a serra, vem pra São Paulo, cheguei no hospital [Hospital Israelita Albert Einstein], exame daqui, exame dali. Eram linfonódulos. Fiquei três dias em observação. Depois de uma semana, dez dias, o pescoço retornou ao normal", relembrou.

Em março último, ele sentiu dores na garganta e estranhou. "Em maio fizemos uma punção para coletar material para biópsia, e o material foi inconclusivo. Então, o doutor decidiu operar. Em 17 de outubro fomos à mesa de cirurgia. Foi um susto grande, porque o que saiu de dentro do pescoço não é de Deus, uma coisa anormal. Voltei para o quarto e depois de quatro horas uma artéria do meu pescoço rompeu. Por milagre não fui a óbito. Voltei para a mesa de cirurgia e fiquei a madrugada sendo cirurgiado para estancar o sangramento da artéria", detalhou.

Dois dias depois, a equipe médica chegou à conclusão de que o empresário tinha um carcinoma já em fase de metástase. "Foi um soco no estômago para a gente. Foi difícil, porque era para ser uma cirurgia de remoção de um nódulo para a gente entender o que estava acontecendo. Junto com isso teve essa intercorrência, que foi onde fiquei com bastante medo", desabafou a apresentadora.

"Depois do susto, da dor da notícia, começou ali o nosso trabalho de tentar entender onde tinha começado para saber se outra parte do corpo tinha sido afetada. Foram inúmeros exames. O Alê segurou uma barra muito grande", relatou.

A apresentadora da Record considerou que, passado o susto, o casal começou a refletir nas "boas notícias" passadas pelos médicos. "Era um câncer no estágio inicial, localizado na região da garganta, o que significa que o tratamento é focado, localizado, o que facilita a vida do paciente. Logo depois, começamos todo o tratamento, radioterapia e quimioterapia. O Alê tem sido um guerreiro porque a radio é todo dia, só tem a folga no sábado e no domingo. E a quimio é uma vez por semana, por enquanto", contou.

Correa já fez oito sessões de radioterapia e duas de quimioterapia. Diante disso, passou a relatar desconfortos e mal-estar. "Coisas que sabemos que tendem a piorar, mas que a gente vai vencer isso ", declarou ela.

"Vamos. Depois de tudo que esse lar passou nos últimos tempos. Você foi quase assassinada, meu irmão julgado por homicídio doloso, um promotor querendo arrebentar a nossa família, milhões de problemas se acumularam. Ter a notícia de câncer foi péssima. Acredito na mão de Deus e nos meus médicos. Mas ficar contando vantagem antes da hora não é muito do meu feitio, não gosto de cantar vitória. Vou fazer o que tiver que fazer. Se der certo, bem, se não der, paciência", completou o empresário.

O tratamento do marido de Ana deve se encerrar em 17 de dezembro. Em um momento de reflexão, Correa observou que os custos da radioterapia e quimioterapia são altos. "Fico pensando como uma pessoa de baixa renda trata o câncer", analisou.

"Se Deus permitir que eu me cure, em 2021 eu vou destinar uma boa fração do meu tempo em tentar ajudar pacientes de câncer. Não sei o que eu vou fazer, mas alguma coisa eu vou fazer", finalizou.

Veja o relato de Ana Hickmann e Alexandre Correa:


Leia também

Enquete

Você gostou dos primeiros capítulos de Verdades Secretas 2?

Web Stories

+
Cinco casais que se formaram no Casamento às Cegas Brasil e você não sabiaElenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novelaOutubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas