Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

PRIMEIRA VEZ NA LIDERANÇA

BBB19: Após mais de 11 horas de prova de resistência, Paula é a nova líder

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Paula na terceira prova de resistência do BBB19: participante suportou mais de 11 horas e conquistou a liderança - REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Paula na terceira prova de resistência do BBB19: participante suportou mais de 11 horas e conquistou a liderança

REDAÇÃO

Publicado em 1/3/2019 - 10h48

Paula von Sperling é a nova líder do BBB19. A advogada suportou mais de 11 horas na terceira prova de resistência desta edição, e conseguiu derrotar Hariany Almeida e Carol Peixinho, últimas a desistirem. Na atividade, que teve início às 23h07 de quinta (28), os dez participantes foram colocados dentro de uma xícara de café com um dos braços para cima; se abaixasse o braço, a bebida caía e o competidor era eliminado.

Rízia Cerqueira foi a primeira a desistir, com duas horas de disputa. Tereza Cristina abandonou em seguida e recebeu a missão de eliminar outro brother. Ela, então, escolheu Gabriela Hebling. Rodrigo se mexeu durante uma conversa, perdeu o equilíbrio e também foi eliminado. Com cinco horas de resistência, Danrley se descuidou e acabou deixando a disputa. Ele chorou na piscina por causa da eliminação.

O sexto a deixar a prova após resistir durante quase sete horas foi Alan Possamai. Nove horas depois do início da disputa, foi a vez de Elana Valenária sair. Ao abandonar seu posto, ela prometeu: "O anjo vai ser meu". Quando o jogo avançou durante mais de 11 horas, Hariany propôs que elas voltassem juntas para a casa. Carol concordou, e abaixou o braço. Paula observou a cena, não fez nenhuma ação e ganhou a prova.

Os cinco primeiros que saíram da dinâmica tiveram consequências, além da eliminação. Rízia tirou todas as estalecas de Alan, Tereza tirou Gabriela da prova, Rodrigo também escolheu Alan como alvo e o mandou para o Tá com Nada. O quinto a deixar a disputa, Danrley, escolheu Paula para ficar sem fotos da família.

Essa é a terceira prova de resistência do Big Brother Brasil 19, a segunda vencida por Paula. A primeira aconteceu no início do confinamento. Após mais de 19 horas, a mineira conquistou imunidade do superparedão e ainda ganhou um veículo zero quilômetro de presente.

A segunda foi realizada há três semanas, em duplas. Depois de 13 horas, Danrley Ferreira e Elana Valenária foram os que ficaram mais tempo em cima de garrafas de refrigerante, além de aguentar banhos de água fria e movimentos da "montaria" sem cair. Desde então, a piauiense não saiu mais da liderança.

Alan, Gabriela, Paula e Rízia no início da terceira prova de resistência do Big Brother Brasil 19

Paredão fake
Antes de iniciar a prova, Tiago Leifert explicou para o público que o paredão de Carnaval não terá eliminação. "O líder vai ganhar duas semanas de imunidade. O próximo paredão é fake. Domingo tem a urna soberana e o líder precisa sortear uma pessoa, que vai ter que indicar alguém ao paredão. Mas só pode ser a pessoa imediatamente à direita ou à esquerda".

"Depois disso, o líder indica, o anjo imuniza e a casa vota. Vocês [público de casa] vão votar em quem querem imunizar. Na terça (5), a gente vai fazer tudo igual para eles. Só que quando o 'eliminado' for sair pela porta da casa, ela não vai abrir e a pessoa descobrirá que está imune. Aí na semana seguinte, vai ter o pior paredão da história. Mas depois a gente explica melhor isso", avisou o apresentador.

Últimas de BBB19

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?