Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VIROU GUERRA

Surpresa e confusão: Por que SBT apoiou Lei do Mandante e cutucou a Globo?

REPRODUÇÃO/SBT

Téo José, Mauro Beting e Nadine Basttos em uma transmissão do SBT, todos com uma camisa azul e apresentando um jogo na Copa América

Téo José, Mauro Beting e Nadine Basttos em Brasil x Argentina pela Copa América no SBT

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 11/7/2021 - 13h21

O telespectador que acompanhava o pré-jogo de Brasil x Argentina na noite de sábado (11) foi pego de surpresa quando o narrador Téo José leu um texto no qual o SBT declarava apoio à nova Lei do Mandante, que será votada nesta semana na Câmara de Deputados. A emenda dará ao dono da casa de um jogo de futebol o direito de negociar a transmissão da partida.

Executivos da Globo e de alguns clubes também se surpreenderam com o apoio da emissora de Silvio Santos. O caso virou assunto do Movimento Futebol Livre, união de clubes da Séries A e B do Campeonato Brasileiro que apoiam a aprovação do texto.

Segundo apurou o Notícias da TV, o que mais chamou a atenção foi a crítica velada à chamada "emenda Globo", que deseja dar segurança jurídica aos contratos assinados com a lei anterior em vigor --atualmente, para um jogo ser exibido, uma TV precisa de acordo com os dois clubes que disputam a peleja.

Na Globo, a crítica e o apoio causaram surpresa. A líder de audiência viu a leitura como uma forma do SBT mostrar aos clubes que tem interesse no futebol nacional se a lei mudar. Hoje, o SBT não tem nenhum torneio nacional, mas negocia os direitos do Campeonato Paulista contra a rival a partir de 2022.

Como a negociação pelos direitos do Campeonato Brasileiro a partir de 2025 começa em breve --e com clubes com vontade de organizar sua própria liga de futebol--, a Globo vê que o SBT quer "surfar" na boa onda e se mostrar um player importante para os times que não gostem de propostas da emissora futuramente, por exemplo.

Na emissora de Silvio Santos, a leitura do comunicado também chocou os mais desavisados. O apoio demonstrado foi articulado pela alta direção da TV, que está mais envolvida nas negociações de direitos. De fato, o SBT quis marcar território. Falou, indiretamente, aos clubes e a Globo que entra na jogada se a lei nova vigorar.

Por fim, diretores de clubes da Série A souberam do assunto ainda na noite de sábado e gostaram da atitude. Para os times, todo o apoio de qualquer grupo é importante e aumenta o leque de opções para futuras negociações.

Entenda o caso

A chamada nova Lei do Mandante, que dará ao time da casa os direitos de transmissão e negociação da partida em campeonatos nacionais.

A emenda ganhou esse apelido por causa da posição da líder de audiência. A Globo defende que os contratos firmados com a lei atual (TVs precisam negociar com mandante e visitante uma partida) precisam ser respeitados. Mas boa parte dos times do Brasileirão quer que a lei passe a valer com os contratos já existentes.

O deputado Alex Manente (Cidadania-SP) é o maior defensor de tal emenda. O relator da nova possível lei, Julio Cesar Ribeiro (Republicanos-DF), publicará seu relatório sobre o caso até terça-feira (13), quando ela deverá ser votada em Brasília.

Em seu apoio, o SBT explicou para o público o que é a tal emenda e disse para os torcedores pressionarem seu deputado.

"Você sabe o que é o projeto de futebol livre? É o projeto de lei que vai garantir o direito do time de futebol que joga em casa de decidir qual emissora vai exibir a partida. A medida valerá para todos os contratos novos, garantirá maiores opções aos torcedores e vai acabar com os jogos sem transmissão. Na próxima terça, a Câmara dos Deputados vai votar esse projeto de lei", falou Téo.

"Mas há tentativa de incluir uma emenda que desfigura totalmente essa importante lei que beneficia clubes e torcedores. Alerte o seu deputado. Diga 'não' à tentativa de incluir essa emenda, e 'sim' à tentativa de futebol livre", pediu o narrador titular do SBT, finalizando o comunicado.

Além do SBT, a TNT Sports também se mostrou favorável à nova lei na transmissão de Palmeiras x Santos nesta tarde de sábado. As empresas entendem que a aprovação desse novo modelo será uma importante saída para concorrer de igual para igual com a Globo.

Veja o vídeo do comunicado lido por Téo José: 


Leia também

Web Stories

+
Sex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de PantanalHarmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?