Reformulação

Superbonita vira reality show com drag queen que dá bronca nos competidores

Reprodução/Instagram

A drag queen Lorelay Fox, uma das apresentadoras da nova temporada do Superbonita - Reprodução/Instagram

A drag queen Lorelay Fox, uma das apresentadoras da nova temporada do Superbonita

FERNANDA LOPES - Publicado em 17/07/2018, às 05h32

No ar há 18 anos, o Superbonita voltará ao GNT totalmente repaginado, com novo formato e mais apresentadores. No dia 8 de agosto, o programa se transformará em um reality show de maquiagem artística, com jurados que pegam pesado para exigir excelência dos competidores. Da atração original que o público já conhecia, sobrará só o nome.

Comandado na última temporada pela rapper Karol Conká, o Superbonita terá mais três apresentadores. Karol fará a parte de mediação ao lado de Giovanna Ewbank, atriz e youtuber. Já a parte de aconselhamento e avaliação dos participantes ficará com o maquiador das estrelas Renner Souza e a drag queen Lorelay Fox.

A cada episódio, o quarteto receberá no estúdio maquiadores, que devem cumprir três desafios relacionados ao tema do dia _o primeiro, por exemplo, será sereísmo. O profissional que desempenhar as melhores artes nas provas será o vencedor.

Para garantir que os trabalhos dos maquiadores saíssem perfeitamente, Lorelay Fox teve pulso firme nas gravações. A drag queen confessa que chegou a ser grossa com os maquiadores que não estavam apresentando o trabalho da melhor forma.

"Eu acabava dando as maiores broncas. Porque tinha dia em que os participantes não entregavam as coisas, dava tudo errado, parecia que nada funcionava. Às vezes, a gente precisava ser mais grosso, para tentar incentivar. Mas no final sempre tinha um sentimento de justiça, eles entendiam que é uma competição que serve principalmente para a gente enaltecer a maquiagem artística", explica.

Os próprios apresentadores chegaram a ter embates nos bastidores. No programa, os quatro precisavam confabular sobre as provas e os destinos dos participantes, e entrar em consenso foi um problema.

"A gente tinha que decidir realmente as coisas, dava muita briga. Às vezes a Giovanna amava uma coisa, a Karol detestava, eu gostava, o Rener não gostava, a gente ficava sem saber o que fazer. Foi emocionante", conta a drag queen.

Apesar das diferenças, Lorelay afirma que o principal objetivo dessa temporada é popularizar, democratizar e fazer o público respeitar e entender melhor o que é a maquiagem artística. "Ainda tem muito esse estereótipo de que maquiagem artística é brincadeira, é coisa de festinha de criança, desenhar na cara dos outros. Não é isso. Acho que a gente conseguiu levantar a moral dessa profissão", declara.

reprodução/instagram

Renner Souza, Giovanna Ewbank, Karol Conká e Lorelay Fox, o elenco do novo Superbonita

Essa é a segunda vez que Lorelay atua no Superbonita. Ela já havia feito participações com dicas de maquiagem na temporada de 2016, quando o programa ainda era apresentado por Ivete Sangalo.

Ao longo de 18 anos na programação, a atração que é um dos cartões de visita do GNT já foi apresentada por Daniela Escobar, Luana Piovani, Taís Araújo e Grazi Massafera, entre outras. Em geral, elas lideravam conversas femininas sobre questões que envolviam beleza, bem-estar e estética.

Na temporada passada, Karol Conká já tinha a proposta de desconstruir os padrões de beleza e falar das particularidades de cada mulher nas entrevistas e dicas de profissionais. Agora, Lorelay promete ainda mais diversidade e representatividade. Ela quer mostrar que não há barreiras para a beleza e que qualquer pessoa pode usar a maquiagem a seu favor.

"É um programa que tenta quebrar uma série de tabus, daquele jeito bem sutil do GNT. Tem diversidade no casting de modelos maquiados, nos temas que trata, a gente fala sobre todo mundo poder usar maquiagem. Acredito que é um caminho sem volta essa coisa de a gente aparecer na televisão, as drags, os LGBTIs, as minorias como um todo. A gente precisa mostrar outros rostos", discursa.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você gostou da escolha de Maju Coutinho para o Jornal Hoje?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook