NO RAUL GIL

Sem Ana Hickmann, Chris Flores não tira o chapéu para a Grávida de Taubaté

Rodrigo Belentani/SBT

Chris Flores e Raul Gil durante gravação do quadro do chapéu que vai ao ar neste sábado (14) - Rodrigo Belentani/SBT

Chris Flores e Raul Gil durante gravação do quadro do chapéu que vai ao ar neste sábado (14)

REDAÇÃO - Publicado em 14/07/2018, às 06h38 - Atualizado às 19h07

Chris Flores esteve no Programa Raul Gil deste sábado (14) e participou de um dos quadros mais famosos da atração. A apresentadora se recusou a tirar o chapéu para a Grávida de Taubaté, farsante que ela desmascarou, e também para os concursos de beleza, que promovem padrões inalcançáveis e servem para desencadear problemas de saúde. Desafeto de Chris, Ana Hickmann não estava na lista de nomes do quadro.

A Grávida de Taubaté entrou na mira de Chris porque a jornalista foi uma das enganadas por Maria Verônica Aparecida César Santos, que em 2012 se disse grávida de quadrigêmeos. A emoção dos apresentadores do Hoje em Dia na época ainda é motivo de piada. Desconfiada, a apresentadora confrontou a mulher e acabou ajudando a revelar sua farsa. "No fundo, eu tenho pena [dela]", resumiu no programa do SBT.

Já sobre os concursos de beleza, a jornalista soltou o verbo. "Acho uma crueldade com a mulher, porque eles estabelecem um padrão e, se você não estiver nesse padrão, você é feia, não serve para nada. São muitas meninas que têm anorexia, bulimia. Não tem mais lugar na nossa sociedade para esse tipo de coisa. Ficar escolhendo quem é a mais bonita e quem é a mais feia", criticou.

A apresentadora do Fábrica de Casamentos também não tirou o chapéu para o youtuber Julio Cocielo, que recentemente foi detonado após fazer um comentário racista no Twitter. No entanto, Chris fez uma ressalva: ela valoriza que o influenciador digital reconheceu seu erro, pediu desculpas e prometeu mudar.

Engajada, Chris detonou ainda a homofobia e os torcedores brasileiros que tiveram atitudes machistas durante a Copa do Mundo da Rússia. "Não é brincadeira, é falta de respeito. Nenhum tipo de mulher aceitaria aquilo. Desrespeito não é cantada!"

Por outro lado, ela surpreendeu ao tirar o chapéu para Paulo Henrique Amorim. Isso apesar de o jornalista da Record (conhecido pelo temperamento difícil e por discutir com as colegas) ter sido bem rude com ela em 2007.

"Precisa cair a ficha. E você trabalha com o visual. Parece que você saiu da lata do lixo", detonou Amorim, como Chris contou em entrevista para o canal de Álvaro Leme no YouTube.

No Raul Gil, Chris agradeceu a crítica do colega jornalista. Disse que aprendeu muito com Paulo Henrique quando ela ganhou uma participação no Hoje em Dia. "Ele é maravilhoso. Foi a pessoa que me ensinou muita coisa que eu sei hoje sobre televisão. Que me deu a oportunidade pela primeira vez profissionalmente na TV. Aprendi demais com ele. Então eu tenho uma gratidão enorme", confessou.

Geraldo Luis também ganhou o chapéu da jornalista. Ela contou a Raul Gil que o apresentador do Domingo Show é um amigo próximo, que a ajudou muito no período que passou fora do ar, na geladeira da Record.

"Quando você sai do ar, é quando você descobre realmente quem gosta de você e quem são seus amigos. Nesse momento triste, foi quando o Geraldo veio e estendeu a mão pra mim", disse.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook