Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

REFORÇO NO ESPORTE

Kalinka Schutel pede demissão da Globo e volta para a Band após três anos

REPRODUÇÃO/BAND

Imagem da apresentadora Kalinka Schutel na sede da Band

Kalinka Schutel na sede da Band; apresentadora pediu demissão da Globo e voltou para a emissora após três anos

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 1/12/2020 - 18h02

Kalinka Schutel pediu demissão da Globo e acertou, nesta terça-feira (1º), seu retorno para a Band após quase três anos. A apresentadora, que comandava o AutoEsporte nas manhãs de domingo, volta à emissora para reforçar o jornalismo esportivo.

Kalinka fará parte do Band Notícias, apresentado por Cynthia Martins e  Douglas Santucci de segunda a sexta-feira, às 22h. A jornalista vai falar sobre os principais acontecimentos do esporte. A estreia acontece na próxima segunda-feira (7).

"Foi uma decisão minha. Vou voltar para a nova velha casa para trabalhar com esporte. Estou muito feliz", afirmou ela nos Stories do Instagram. 

“Nesta minha nova empreitada na Band quero trazer informações de forma objetiva e leve, além de trabalhar assuntos relevantes, com entrevistas que agreguem ao púbico que gosta de esporte", explicou.

A repórter começou no jornalismo esportivo em 2012, quando foi contratada pelo Grupo Bandeirantes em Santa Catarina, sua terra natal. Em 2014, deixou Florianópolis para trabalhar na Band São Paulo na cobertura da Copa do Mundo. Até 2017, atuou em diversos programas. No ano seguinte, foi contratada pela Globo.

Na líder de audiência, Kalinka comandou o AutoEsporte nas manhãs de domingo por quase três anos. Agora, a repórter retorna "mais madura e cheia de vontade" para a emissora que, segundo ela, havia deixado as portas abertas.

"Sinto que estou voltando para casa. Além de colegas de profissão, fiz grandes amigos aqui. A Band foi uma escola para mim. Conquistei muitas oportunidades e aprendi em cada uma delas. Quando deixei a emissora, no final de 2017, fui sabendo que as portas permaneceriam abertas", concluiu.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?