Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

APÓS DOIS ANOS

Globo retoma rodízio do Jornal Nacional aos sábados com Bocardi e âncoras locais

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Rodrigo Bocardi com uma expressão séria, terno preto e gravata rosa no Jornal Nacional

Rodrigo Bocardi no Jornal Nacional: Globo retoma rodízio de apresentadores aos sábados

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 23/3/2022 - 13h36

Com a baixa nos casos de Covid-19 e o aumento da vacinação no Brasil, a Globo decidiu retomar o tradicional rodízio de apresentação do Jornal Nacional aos sábados. A volta será a partir de abril, em data ainda não definida pela direção de Jornalismo. Apresentadores de São Paulo e âncoras locais de Brasília, Recife e Belo Horizonte vão fazer parte desta nova leva no retorno.

Jornalistas do Rio de Janeiro, que apresentavam o principal noticiário do Brasil no sábado em folgas de William Bonner e Renata Vasconcellos durante o auge da pandemia, foram mantidos como forma de promoção. É o caso de nomes como Mônica Teixeira, Flávio Fachel, André Trigueiro, Ana Luiza Guimarães, Aline Midlej e Paulo Renato Soares.

A Globo confirma a volta em nota enviada ao Notícias da TV. "Desde o início da pandemia, o rodízio de apresentadores nos plantões do JN estava sendo feito apenas com jornalistas do Rio de Janeiro. Agora, com o avanço da vacinação, vamos incluir também jornalistas das regionais da TV Globo de São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Recife", diz o comunicado.

A coluna apurou que o representante de São Paulo será Rodrigo Bocardi, que já era folguista do Jornal Nacional da capital paulista antes da pandemia estourar. Será o retorno do apresentador do Bom Dia São Paulo ao noticiário desde fevereiro de 2020 --última vez que ele comandou o jornalístico.

Divulgação/tv globo

Aline Aguiar com os braços cruzados e sorriso no estúdio do Jornal Nacional

Aline Aguiar, da Globo Minas: voltará ao Jornal Nacional

Apresentadores locais que ganharam a primeira chance de comandar o Jornal Nacional no rodízio especial feito para comemorar os 50 anos do telejornal em 2019 também vão voltar. É o caso de Márcio Bonfim, apresentador do NE2 (equivalente ao SP2) na Globo Recife; e de Aline Aguiar, comandante do MG1 na Globo Minas. O nome que virá de Brasília ainda não foi definido.

A Globo pretende ampliar o leque de apresentação do Jornal Nacional e voltar também com os apresentadores de suas afiliadas que se destacaram no projeto especial de três anos atrás. É a situação de Jéssica Senra, apresentadora da TV Bahia que estava no rodízio fixo antes da pandemia, mas por atuar em Salvador, ficou de fora desse primeiro passo de retorno.

Com isso, William Bonner e Renata Vasconcellos voltam a fazer o Jornal Nacional de sábado apenas em situações especiais, como em dia de véspera de eleições, quando são divulgadas as últimas pesquisas para intenção de voto.


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.