GUERRA

Globo debocha de Jair Bolsonaro e alfineta Record em esquete do Zorra

LUIZ FILIPE PAZ/TV GLOBO

Fernando Caruso caracterizado como o presidente Jair Bolsonaro

Fernando Caruso interpreta o presidente Jair Bolsonaro em esquete humorística do Zorra

REDAÇÃO - Publicado em 02/11/2019, às 17h11

A Globo exibirá no Zorra deste sábado (2) uma esquete satirizando a transmissão feita pelo presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais na terça (29), após o Jornal Nacional divulgar uma planilha de acesso de carros ao condomínio em que vive, no Rio de Janeiro, na qual constava a liberação da residência de Jair Bolsonaro para o mesmo veículo usado na execução da ex-deputada Marielle Franco (1979-2018). Na ocasião, o presidente disse que a emissora é "podre, nojenta, imoral" e que ela "não tem vergonha na cara".

Na sátira, o presidente é interpretado por Fernando Caruso. A esquete, com dois minutos de duração, debocha e faz insinuações de programas conhecidos da Globo, como as novelas A Dona do Pedaço e Avenida Brasil. No final, o humorístico alfineta a Record, que apoia publicamente o governo de Jair Bolsonaro.

Enquanto o vídeo original critica o "jornalismo podre" e ameaça não renovar a concessão da emissora em 2022, a brincadeira mostra um Bolsonaro revoltado com a vitória de Maria da Paz (Juliana Paes) no fictício reality Best Cake e ironiza o enredo de Avenida Brasil, pontuando que seria "impossível a Nina não ter um pendrive com as fotos da Carminha". 

Sobre o mascote Louro José, fiel escudeiro de Ana Maria Braga no Mais Você, o personagem brada que "todo mundo sabe que ele é um boneco" e questiona "onde o homem coloca a mão dele", reclamando que "tem criança vendo isso aí".

Ao citar que "em 2022 a gente se encontra", a sátira do presidente afirma que ele e a Globo se encontrarão "porque vai ter copa no Qatar" e vai questionar o que Galvão Bueno quer dizer com o seu tradicional bordão "haja coração". O verdadeiro Jair Bolsonaro também cita um encontro com a rede em 2022, ameaçando não renovar a concessão se o processo "não estiver enxuto".

O recém-lançado Se Joga também foi alvo de piada. Irritado, ele questiona o motivo de a atração ter três apresentadores e pergunta se a emissora insinua algo com os seus três filhos --se referindo aos que já estão na política, Flávio, Eduardo e Carlos, senador, deputado Federal e vereador, respectivamente.

Nem mesmo o Zorra, que veiculará a sátira, foi poupado das piadas ácidas. "Esse Zorra Total não acaba. Quem garante que não foi o Jair desse Zorra Total aí que atendeu o porteiro no condomínio, hein?", concluiu.

Por fim, a sátira do presidente encerra a transmissão afirmando que "vai dar um pulo no Jornal da Record". A frase é uma referência a um fato real: Jair Bolsonaro usou o principal noticiário da concorrente da Globo para se defender da reportagem do Jornal Nacional ainda na terça-feira, mesmo dia em que o conteúdo foi veiculado.

A esquete, que irá ao ar na TV após a novela A Dona do Pedaço, foi integralmente disponibilizada com antecedência nas redes sociais da emissora e no Globoplay. 

Não é a primeira vez que o Zorra tira sarro da cara do presidente e também não é um expediente exclusivo do humorístico. Piadas do gênero também são frequentes no Isso a Globo Não Mostra, quadro semanal do Fantástico, e costumam viralizar de forma imediata nas redes sociais.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Quem é a mãe mais surtada de Amor de Mãe?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook