PROVA DECISIVA

Corrida do título da Fórmula 1 ao vivo pode 'sumir' da Globo pelo terceiro ano seguido

REPRODUÇÃO/FACEBOOK/LEWIS HAMILTON

Lewis Hamilton, piloto da Mercedes, com troféu após vencer uma corrida na Fórmula 1

Piloto da Mercedes, Lewis Hamilton pode conquistar o hexacampeonato de Fórmula 1 neste domingo (3)

VINÍCIUS ANDRADE - Publicado em 02/11/2019, às 05h01

A corrida que poderá confirmar o inglês Lewis Hamilton como hexacampeão mundial de Fórmula 1 não será transmitida pela Globo. Neste domingo (3), às 16h10, o Grande Prêmio dos Estados Unidos vai ao ar ao vivo apenas no SporTV 2. Nesse horário, a TV aberta mostrará o futebol. Caso o piloto da Mercedes consiga faturar o título, será o terceiro ano consecutivo em que a emissora não exibirá a prova decisiva em tempo real.

Apesar de ter o direito de transmitir todas as 21 corridas da temporada de Fórmula 1, a Globo deixa de mostrar algumas disputas ao vivo ao longo do ano por causa do horário. É o caso dos GPs que acontecem em países da América do Norte (Canadá, México e Estados Unidos) --o Grupo Globo coloca a prova ao vivo no SporTV e passa apenas a reprise de madrugada na TV aberta.

Como as corridas do México e dos EUA acontecem em um momento decisivo da temporada, a emissora sempre corre o risco de dar azar e não mostrar a prova que resulta em título. Isso já ocorreu nas temporadas de 2017 e 2018.

Para Hamilton ser campeão neste domingo (3), ele precisa chegar pelo menos em oitavo lugar ou torcer para que o segundo colocado no ranking geral, Valtteri Bottas, não vença o GP dos EUA. Se o finlandês não ganhar a corrida, o título estará garantido para o inglês de qualquer forma.

A prova deste fim de semana terá narração de Sergio Mauricio, com comentários de Reginaldo Leme e Luciano Burti. Guilherme Pereira estará nas reportagens. A largada acontecerá às 16h10, mas a transmissão do SporTV 2 começará às 15h. O Globoesporte.com também vai exibir.

No horário do GP, a Globo levará ao ar ao vivo para o Brasil inteiro o confronto entre Flamengo x Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro. A emissora vai mostrar a Fórmula 1 apenas em reprise, prevista para começar depois do Domingo Maior, por volta da 1h da madrugada de segunda-feira (4).

O último título transmitido ao vivo pela Globo foi em 2016, quando Nico Rosberg foi campeão. A prova aconteceu às 11h no horário de Brasília, e rendeu à emissora 10,2 pontos de ibope na Grande São Paulo.

Caso aconteça um milagre e Lewis Hamilton não vença o título neste domingo, a decisão ficará para o Grande Prêmio de Interlagos, às 14h10 de 17 de novembro. Essa prova será exibida pela Globo.

Tudo sobre

Globo SporTV

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook