Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

EMOÇÃO EM EVENTO

Galvão Bueno chora com homenagem da Globo e se prepara para 'adeus' olímpico

REPRODUÇÃO/GLOBO

Galvão Bueno durante evento que a Globo realizou para o mercado publicitário

Galvão Bueno durante evento que a Globo realizou para o mercado publicitário: ele ficou emocionado

VINÍCIUS ANDRADE

vinicius@noticiasdatv.com

Publicado em 28/4/2021 - 11h56

A 86 dias do início dos Jogos Olímpicos de Tóquio, a Globo realizou um evento com empresas anunciantes e agências publicitárias para mostrar o projeto de transmissão da competição esportiva. Durante o encontro, exibido de forma virtual na manhã desta quarta-feira (28), a emissora homenageou Galvão Bueno, que ficou emocionado. Neste mês, o narrador de 70 anos avisou que a Olímpiada de 2021 será a sua última como locutor.

"É um orgulho participar desse projeto. Quantas Olimpíadas eu já fiz? Desde a primeira, em Los Angeles [1984], são oito Olimpíadas. Ou seja, estou partindo para a minha nona Olimpíada. Um pedacinho de história", disse Galvão, em conversa com Carol Barcellos, que apresentou o evento ao mercado publicitário. O Notícias da TV acompanhou a transmissão.

Durante o encontro, a Globo exibiu a narração que Galvão Bueno considera o momento mais marcante dele no evento esportivo: a medalha de prata do Brasil, conquistada em 2000, no revezamento 4x100m nos Jogos Olímpicos de Sidney. A vitória ficou eternizada com os gritos de "é prata, é prata, é prata" do locutor.

Na sequência, foi exibido um vídeo com depoimentos de Sergio Arenillas e Renata Silveira, narradores da nova geração do Grupo Globo. Os dois confessaram que o jornalista de 70 anos é uma inspiração profissional.

"O que o torna o Galvão Bueno, o principal narrador e uma grande inspiração pra mim, é a emoção que ele passa, a capacidade que ele tem de emocionar milhares de pessoas, de contar histórias como ninguém. Eu estou com uma expectativa muito grande para narras as Olimpíadas, vai ser a minha primeira vez. Eu lembro tanto do Galvão narrando esse evento, agora ele é meu companheiro de trabalho", exaltou Renata, que estreou em março no SporTV.

Galvão Bueno assistiu aos depoimentos dos estúdios da Globo em São Paulo, enquanto Carol Barcellos estava no Rio de Janeiro. "Surpreso, Galvão?", questionou a apresentadora, que percebeu o veterano com lágrimas nos olhos.

"Olha, Carol, esse momento que a gente está vivendo mexe muito com a gente. Ouvindo esses momentos que eu me lembro com tanto carinho das Olimpíadas e [vendo] jovens companheiros de trabalho falando, eu me sinto emocionado", admitiu ele.

"Imagens olímpicas são eternas. Eu fico imaginando, em um momento de pensamento positivo, eu fico numa esperança tão grande de que essa Olimpíada possa marcar o início de uma virada nesse momento tão difícil que a humanidade está atravessando. Eu estou extremamente orgulhoso de participar dessa Olimpíada, tenho certeza que qualquer marca importante que venha a estar conosco vai carregar esse sentimento pelo resto da vida", convidou Galvão Bueno.

Tóquio na Globo

Por conta da pandemia e a necessidade de reduzir deslocamentos, toda a equipe de narradores fará as transmissões dos Jogos Olímpicos de Tóquio dos estúdios da emissora no Brasil. A Globo está montando um cenário em 270º no Rio de Janeiro.

Apesar de não ter falado sobre o "adeus olímpico" durante o evento publicitário nesta quarta, Galvão confirmou no início deste mês, durante um podcast do GE, que essa será a sua última Olimpíada como narrador. "Minha última Olimpíada, vou ter que fazer sem ir lá. Veja se eu estou feliz", lamentou ele.

Mesmo com a "confirmação", nada impede que o locutor mude de ideia e pense em fazer parte da cobertura em 2024. O veterano voltou ao trabalho presencial no início de abril, após 14 meses afastado, na transmissão de Flamengo x Palmeiras na Supercopa do Brasil. Aos 70 anos, Galvão já recebeu as duas doses da vacina contra a Covid-19.


Leia também

Web Stories

+
Bastidores de O Diabo Veste Prada tiveram atriz deprimida e look vetado, saiba maisJuliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãsOportunidade de brilhar: Cinco PCDs que atuaram na TV brasileiraLançamentos da semana têm filme indicado ao Oscar e comédia sangrentaJuliette, craques do futebol e estrelas do pop: Os 10 maiores influenciadores do mundo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou da escolha da reprise de Pega Pega?