Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

A PARTIR DE R$ 200

Apps desatualizados? Conheça oito produtos que vão turbinar sua smart TV

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Telespectadora utiliza o tablet como controle remoto do Chromecast

O próprio celular ou o tablet servem como controle remoto para o Chromecast 3

EDUARDO BONJOCH

edubonjoch@gmail.com

Publicado em 12/5/2022 - 6h40

Se você quer transformar o seu televisor em uma smart TV ou parou de receber atualizações do fabricante e já não consegue acessar os novos apps de streaming, a saída mais simples e barata é transferir essa função para um pequeno acessório, que se conecta à entrada HDMI do seu aparelho. Pode ser um dongle, semelhante a um pen drive, ou uma caixinha do tipo TV Box, mais robusta e recheada de conexões.

A boa notícia é que, na contramão da crise, esses produtos caíram de preço, chegando a ficar até 35% mais baratos em relação ao mesmo período do ano passado. Com resolução Full-HD, os modelos Roku Express e Fire TV Stick Lite, da Amazon, por exemplo, podem ser encontrados em lojas online por R$ 200 e R$ 227. Em junho de 2021, custavam R$ 289 e R$ 349. Já o custo dos televisores disparou em 2021, com alta de até 28% em algumas categorias.

Os produtos escolhidos foram homologados pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), com venda oficial no Brasil. Mesmo assim, o consumidor precisa ficar atento. Vários modelos de TV Box vêm com aplicativos ilegais para acessar canais de TV por assinatura e serviços de streaming gratuitamente ou cobrando mensalidades irregulares, o que configura crime de pirataria e deixa expostos dados pessoais do usuário, capturados pela rede.

Algumas características técnicas dos produtos se repetem. É o caso do processador de quatro núcleos e dos 8 GB para armazenamento interno. Com exceção de algumas caixinhas TV Box 4K, os demais dispositivos contam com 1 GB de memória RAM. Os dispositivos foram organizados de acordo com o preço, do menor para o maior.

Roku Express

É um dos mais populares e pode ser encontrado em lojas online por apenas R$ 200 (valores pesquisados entre os dias 10 e 11 de maio). Pontos positivos: intuitivo, rápido e fácil de navegar, utiliza a mesma plataforma Roku TV dos televisores Semp TCL, Philco e AOC. A oferta de aplicativos é boa, mas falta o serviço Star+, que transmite os jogos da Libertadores e dos principais campeonatos europeus.

Com resolução Full-HD, é o mais barato entre os produtos selecionados. Ganha ainda do Chromecast 3, do Google, na praticidade, já que vem com controle remoto, embora também ofereça a opção de comando por aplicativo de celular, com possibilidade de ouvir as atrações via fones de ouvido. O fabricante está devendo uma versão com resolução 4K e que aceite comandos de voz, à venda no exterior.

Chromecast 3

Mesmo com preço em queda (dá para achar nas lojas online por R$ 214, R$ 86 a menos do que em junho de 2021), o dispositivo Full-HD do Google que transforma qualquer tela em smart TV ficou para trás em relação aos concorrentes. É o único da lista, por exemplo, que não vem com controle remoto, obrigando o uso de um celular ou tablet para operar o dispositivo.

Por outro lado, é compatível com os principais serviços de streaming da atualidade e aceita comandos de voz via Google Assistente. A versão com Google TV, controle remoto e resolução 4K segue sem previsão de lançamento oficial no Brasil.

Tomate MCD-121

A TV Box com resolução 4K mais barata da lista pode ser encontrada no varejo por valores a partir de R$ 215. É um produto simples, com controle remoto, 1 GB de memória RAM e que roda uma versão do sistema operacional Android otimizada para TV com aplicativos básicos, como Netflix e YouTube.

Na parte de conexões, estão presentes portas HDMI e Ethernet (para ter sinal de internet via cabo), além das saídas A/V e de áudio óptica. Vale destacar também as duas portas USB, que podem receber joysticks, por exemplo, e a entrada para cartões de memória. Os 8 GB para armazenamento interno podem ser ampliados com um cartão microSD de 64 GB.

Aquario STV-2000

Outra TV Box que oferece resolução 4K com preço de dongle Full-HD. Por R$ 220, o consumidor leva para casa um produto com 1 GB de memória RAM e boa variedade de conexões. Além das portas HDMI e Ethernet, estão presentes saídas A/V (para TVs de tubo) e SPDIF (áudio), uma entrada para cartões SD e quatro entradas USB 2.0, que podem ser usadas com pen drives, joysticks e até mesmo um teclado ou mouse.

A caixinha roda o sistema Android 7.1 Nougat, sendo compatível com vários serviços de streaming. Mas, na internet, há reclamações sobre a falta de atualização da plataforma e incompatibilidade com os aplicativos Star+ e HBO Max. Nas lojas online, já começa a aparecer uma nova versão do produto, com o mesmo sistema operacional. O modelo STV-3000 sai por R$ 260 e traz um controle remoto mais moderno, com menos teclas e função mouse.

Fire TV Stick Lite

O dongle Full-HD da Amazon continua sendo uma boa opção para quem quer investir pouco. Custa R$ 227 e tem a seu favor o controle remoto com microfone que aceita comandos de voz da Alexa. A oferta de aplicativos é boa, mas incompleta. Recentemente, foi incluído o app do HBO Max, mas até agora nada do Globoplay em nenhum dos dispositivos da marca.

O consumidor também deve ficar atento às variações de produtos. A versão Fire TV Stick custa R$ 360 e traz como diferenciais teclas próprias para Amazon Prime, Netflix e Disney+ e a possibilidade de liberar som Dolby Atmos (quando disponível). Resta avaliar se vale a pena pagar R$ 130 a mais por esses recursos. Por R$ 449, o consumidor pode levar para casa o Fire TV Stick 4K, com suporte à resolução Ultra-HD.

Izy Play

Com preço a partir de R$ 260, a TV Box Full-HD da Intelbras roda o sistema operacional Android TV, o mesmo das TVs TCL, Philco e Philips. É, portanto, completo em aplicativos, oferecendo os principais serviços de streaming da atualidade. Aceita buscas de conteúdo através de comandos de voz pelo Google Assistente e pode controlar dispositivos de uma casa inteligente, como lâmpadas, pelo app Google Home.

Na parte de conexões, estão presentes saídas HDMI e A/V e duas entradas USB 2.0. Dá também para usar a tecnologia Bluetooth para conectar joysticks e fones de ouvido sem fios. Como ponto negativo, o fabricante ainda não apresentou uma opção com resolução 4K.

Mi TV Stick

O dispositivo Full-HD da Xiaomi custa a partir de R$ 276 e também tem como ponto positivo a compatibilidade com o sistema operacional Android TV. Contam também a favor o suporte a buscas por voz (via Google Assistente) e o Chromecast integrado, que permite espelhamento com a tela do celular.

Assim como a Amazon, a Xiaomi tem uma opção com resolução 4K. Com preço a partir de R$ 353, o Mi Box S é uma caixinha do tipo TV Box que roda o sistema Android 8.1 e vem com 2 GB de memória RAM, que permite abrir os aplicativos com mais rapidez.

Elsys Smarty

É outra opção Full-HD que roda o sistema Android TV e oferece os principais serviços de streaming da atualidade. O acessório ainda permite buscas por voz (via Google Assistente) e vem com Chromecast integrado, características próprias da plataforma. O custo é semelhante aos dos concorrentes: a partir de R$ 279.

Com o dispositivo, é possível controlar lâmpadas e outros produtos inteligentes ligados à rede Wi-Fi (pelo app Google Home) e integrar outros produtos sem fio via Bluetooth. Faz falta uma opção de TV Box com resolução 4K, como o Elsys ETRI02, que desapareceu das lojas.


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.