Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

QUARTA TEMPORADA

Fim da tortura? June tem rara vitória em nova fase de Handmaid's Tale

Fotos: Divulgação/Paramount+

Com um vestido laranja, Elisabeth Moss é cercada por dois homens de preto com capuzes e máscaras

June (Elisabeth Moss) é conduzida por soldados da Gilead na quarta temporada de Handmaid's Tale

LUCIANO GUARALDO

luciano@noticiasdatv.com

Publicado em 2/5/2021 - 7h04

[Atenção: este texto contém spoilers da quarta temporada de Handmaid's Tale]

Após três anos de sofrimento e torturas nas mãos da Gilead, June (Elisabeth Moss) finalmente obteve uma vitória sobre o regime opressor no fim da terceira temporada de The Handmaid's Tale. A protagonista conseguiu mandar um avião com nove mulheres e 86 crianças para o Canadá, onde todos ficarão em segurança. Na nova fase do drama, a mocinha vai alternar novos momentos positivos com outros muito ruins --e sangrentos.

O Notícias da TV teve acesso antecipado aos três primeiros episódios da quarta temporada, que serão lançados neste domingo (2) no streaming Paramount+ --os outros sete capítulos serão adicionados semanalmente ao catálogo. Quem deseja ver June se dar bem vai gostar do início da trama, mas vale o aviso: a maré de sorte dela não durará muito tempo.

A nova fase começa de onde parou, com a protagonista baleada. Ela recebe socorro de outras aias, e elas seguem juntas para uma fazenda que faz parte da rede Mayday, que pretende derrubar a Gilead. O proprietário do local é um velho moribundo, o frágil comandante Keyes (Bill MacDonald), casado com uma adolescente de 14 anos, Esther (Mckenna Grace).

A jovem se divide entre a admiração pela coragem das aias da Mayday e os maus-tratos de quem nunca recebeu hóspedes em sua casa. Ela quase mata Janine (Madeline Brewer) ao forçá-la a comer carne de porco depois que a jovem de um olho só se afeiçoou ao bicho.

A animosidade acaba quando Esther revela a June que seu marido convida outros homens da Gilead para estuprá-la, na tentativa de gerar um herdeiro. O primeiro momento de catarse vem em seguida: um guardião bêbado chega à fazenda, e Esther confirma que ele é um de seus abusadores.

June, então, dá uma faca à garota e a incentiva a se vingar --um banho de sangue que acaba de vez com a inocência da menina, mas que prova para as aias que a luta da Mayday precisa ser ativa, e não que elas esperem passivamente por ações da Gilead para só depois pensarem em uma maneira de reagir.

Janine é sufocada por Esther na fazenda

As vitórias de June continuam quando ela conhece Daisy (Laura Vandervoort), uma prostituta que também faz parte da Mayday. A garota de programa revela à mocinha que vários comandantes da Gilead vão a uma festa no bordel onde ela trabalha, e as duas, com a ajuda de Esther, encontram uma maneira mortífera de acabar com a celebração. A cena é de lavar a alma!

De volta à Gilead

Mas, como uma sequência ininterrupta de vitórias significaria o fim da série, June vê seu jogo virar do avesso no fim do segundo episódio. Ao voltar da festa no bordel, ela descobre que soldados da Gilead invadiram a fazenda e capturaram Esther, enquanto as aias fugiram.

Presa e torturada novamente, ela mantém segredo sobre o destino das colegas de rebelião para desespero da tia Lydia (Ann Dowd), que tenta obter a verdade dela. Capaz de qualquer coisa para conseguir o que deseja, a vilã coloca June frente a frente com a filha, Hannah (Jordana Blake), e deixa claro que a menina vai ser morta caso a protagonista não abra o bico.

Sem saída, a personagem de Elisabeth Moss não tem opção a não ser revelar o paradeiro das outras, em uma derrota que a abala completamente. As consequências de falar demais representam mais torturas para as aias, e uma nova tentativa de vencer se mostra sangrenta e mortal para as aias.

Como Handmaid's Tale já foi renovada para um quinto ano, é de se esperar que June ainda leve algum tempo para conseguir derrotar a Gilead. Por outro lado, fica a dúvida: os momentos de sofrimento dela precisam ser tão profundos?

A série já foi acusada de "torture porn" (um subgênero do terror que abusa do sangue e da violência para chocar seu público) e, pelo visto nesse início de temporada, não parece disposta a mudar isso.

Confira o trailer legendado da quarta temporada de The Handmaid's Tale:

Prêmio NTV Melhores do ano


Leia também

Enquete

Quem foi o melhor ator ou atriz de novela do ano?

Web Stories

+
Mansão nova, presença VIP e publis: Saiba tudo sobre a carreira de Deolane BezerraÚltima temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do ator

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas