Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das nove

A Lei do Amor: Pedro é preso acusado de tentar matar o próprio pai

Reprodução/TV Globo

Reynaldo Gianecchini (Pedro) em cena de A Lei do Amor; arquiteto cairá em cilada - Reprodução/TV Globo

Reynaldo Gianecchini (Pedro) em cena de A Lei do Amor; arquiteto cairá em cilada

REDAÇÃO

Publicado em 18/10/2016 - 6h45

Pedro (Reynaldo Gianecchini) cairá em uma armadilha de Ciro (Thiago Lacerda) e acabará preso acusado de matar Fausto (Tarcisio Meira) em A Lei do Amor. O vilão mandará seu capanga plantar a arma usada no atentado no veleiro do filho do empresário e conseguirá manipular a história para que a polícia pense que ele brigou com o pai por causa de dinheiro.

Sem desconfiar de nada, o arquiteto estará na galeria de arte de Helô (Cláudia Abreu) quando receberá uma ligação de Ana Luiza (Bianca Müller), aflita. "Tio, onde você está agora? Então fica aí! Não vá pra casa nem pra tecelagem porque armaram pra você!", dirá ela.

Pedro desligará o telefone, chocado, e dará a notícia à galerista. "Alguém armou para eu ser acusado de mandar matar o meu pai e a Suzana [Regina Duarte]!", contará ele, ainda perplexo.

Além da arma do crime plantada, outro fator será crucial para a prisão de Pedro: o depoimento de Vitória (Camila Morgado) que, induzida por Ciro, acreditará que viu o irmão brigar com o pai por dinheiro. "Me leva na polícia, agora! Se o Pedro fugir, vou ficar com dor na consciência e você também!", dirá ela, ao saber que a polícia está procurando pelo irmão, mas ainda não o encontrou.

"Já no dia que chegou, ele colocou meu pai contra a parede! E ficou cercando de um jeito que, pouco antes da festa, papai lhe disse que não podia tirar o que era nosso para dar pra ele!", dirá Vitória ao delegado.

"Mas o Pedro continuou acuando, intimidando, insistindo! Nem quando o papai levou a mão ao peito, ele parou de atormentá-lo! Eu tenho certeza que o Pedro é o culpado de tudo que aconteceu!", continuará.

Ainda sem saber do depoimento da irmã, Pedro, orientado por Olavo (Tato Gabus Mendes), se apresentará na delegacia no dia seguinte e receberá voz de prisão. "Pensei que o senhor tinha voltado pra França, seu Pedro!", dirá o delegado.

"E por que razão meu cliente fugiria do país, doutor?", indagará o advogado. "A sua situação já era difícil quando encontramos a arma do crime no seu veleiro, mas desde ontem surgiram novas provas e seu caso se agravou tanto, que fui obrigado a representar ao juiz e a pedir a sua prisão!", informará o policial, na cena de encerrará o capítulo do dia 29.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro


Confira quatro reportagens especiais sobre A Lei do Amor:

Ator é obrigado pela namorada a assistir novela da Record
Claudia Raia fez teste do sofá com sarados e apimentou a trama
Para levantar novela, Globo cortou falas de empregadas e doença de criança
Bumbum de Grazi Massafera virou a grande sensação do folhetim

Últimas de A Lei do Amor

Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.