KELZY ECARD

Fofoqueira de Éramos Seis, atriz só não pode falar mal de Lola: 'Apanho na rua'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Kelzy Ecard, toda de preto, leva a mão esquerda ao peito, com expressão de surpresa, caracterizada como Genu em cena de Éramos Seis

Genu (Kelzy Ecard) em sequência do remake de Angela Chaves: mexeriqueira da vizinhança

DANIEL FARAD, do Rio de Janeiro - Publicado em 13/02/2020, às 05h05

Quase ninguém escapa da língua grande de Genu em Éramos Seis. Da janela, a personagem de Kelzy Ecard é sempre a primeira a saber de todos os acontecimentos da avenida Angélica. A única a se livrar dos mexericos é Lola. "Ela é maledicente, mas muito parceira da vizinha. Isso me salvou de ser massacrada, porque se fizer alguma coisa para a Gloria Pires, apanho na rua", conta a atriz.

A mulher de Virgulino (Kiko Mascarenhas), no entanto, não economiza as cordas vocais ao detonar a família da viúva. Uma de suas vítimas preferidas sempre foi Clotilde (Simone Spoladore), especialmente por ter ficado para titia. "Tem dias que antes de gravar eu peço desculpas aos meus colegas, porque a Genu só abre a boca e deixa o espírito falar", diverte-se a intérprete em entrevista ao Notícias da TV.

A mãe de Lili (Triz Pariz) também não economiza saliva ao enumerar os defeitos de seu genro Julinho (André Luiz Frambach) --até com certa razão. Ela sempre bateu na tecla de que o mulherengo ainda faria muito mal para sua caçula e, em breve, ele realmente romperá o noivado ao trocá-la pela endinheirada Soraia (Rayssa Bratillieri).

"Ela é uma mãe amorosa, mas como sogra é daquelas que implica o tempo todo. É um retrato de uma época, a gente está representando um pensamento que realmente existiu lá atrás. Minha mãe Marli, de 84 anos, assiste à novela e diz que também fazia o mesmo, por exemplo", defende-se Kelzy.

A história é diferente, entretanto, quando o assunto é o romance entre Lola e Afonso (Cássio Gabus Mendes). "Genu tem lá os seus preconceitos, mas dá força para essa relação que não seria tão bem aceita socialmente na década de 1930. Ela tem tanta admiração pela Lola que não julga, apenas acolhe", pontua a fluminense de 54 anos.

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Genu (Kelzy Ecard) espiona a vizinhança pela janela na novela das seis da Globo: futriqueira


Janela indiscreta

Kelzy encontrou inspiração para a fuxiqueira entre os seus vizinhos de infância em Santo Antônio de Pádua, no interior do Rio de Janeiro. Ela assegura que nenhum deles, até agora, reclamou de se ver personificado em seu papel. "Achei que eles iam me pegar, porque minhas referências são de lá. Mas quem é fofoqueiro mesmo gosta de reconhecimento", brinca.

Apesar de crescer em meio a essas conversas no portão de casa, com as notícias da região correndo de boca em boca, a artista acredita que não tem vocação para mexeriqueira. "Meus amigos costumam dizer que eu até conto as histórias, mas omito o nome do santo. Não sou igual a Genu", confessa ela.

A atriz frisa, porém, que sua personagem está longe de ser um fenômeno isolado a cidades pequenas e subúrbios em que todo mundo se conhece. Hoje em dia, a linguaruda do remake de Angela Chaves estaria bombando nas redes sociais.

"Certeza que ela mandaria imagem com flores e bom dia no grupo da família. Sem contar que entraria no perfil dos outros e perderia a hora. Só não passaria fake news, porque Genu não inventa, só exagera um pouquinho", dispara a intérprete, aos risos.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações exclusivas de Éramos Seis e de outras novelas!

Últimas de Éramos Seis

Resumos semanais

Resumo da novela Éramos Seis: Capítulos de 24 a 27 de março

Terça, 24/3 (Capítulo 151)
Isabel comemora a presença de Lola. Inês teme a proximidade de Lola e Leon. Olga e Zeca se preparam para sua viagem de navio. Lola se sente desconfortável na casa de Isabel e Felício, e ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook