Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VICIADA EM CALMANTE

Em Salve-se Quem Puder, Helena encontra Úrsula dopada e dá basta: 'Última chance'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Aline Dias de pé de frente para a atriz Flávia Alessandra em cena como Úrsula e Helena de Salve-se Quem Puder

Úrsula (Aline Dias) e Helena (Flávia Alessandra) em cena de Salve-se Quem Puder: nova bronca

DÉBORA LIMA

debora@noticiasdatv.com

Publicado em 26/3/2020 - 5h21

Helena (Flávia Alessandra) não gostará nada de ver que Úrsula (Aline Dias) continua tomando calmantes em Salve-se Quem Puder. A empresária irá visitar a ex-nora na casa da avó dela em Taubaté, interior de São Paulo. A garota estará claramente dopada, o que deixará a mulher de Hugo (Leopoldo Pacheco) decepcionada. "Essa é a última chance que eu vou te dar", decretará a madame.

Na trama de Daniel Ortiz, a madrasta de Micaela (Sabrina Petraglia) afastou a assistente do trabalho no Empório Delícia depois que ela atacou Luna/Fiona (Juliana Paiva) e voltou a se drogar com remédios tarja preta. A ex-namorada de Téo (Felipe Simas), então, foi passar um tempo na casa da avó.

Assim que chegar, a personagem de Flávia Alessandra vai querer saber como a jovem está. "Ela tem descansado bastante, passa quase todo o dia dormindo. Ai, Helena. Tem horas que a minha neta não me escuta. Que não dá pra controlar ela. Eu não quero ter que internar a Úrsula de novo", desabafará Neusa (Zezé Motta).

Em seguida, a personagem de Aline Dias descerá as escadas de pijama e desarrumada. "Dona Helena! Que bom que a senhora tá aqui! Veio me levar de volta pra São Paulo, né? Não te falei, vó? Eu sabia que o Téo ia se arrepender de terminar comigo. Ele pediu pra senhora vir me buscar, né? Então o Téo nem sentiu a minha falta?", questionará a garota.

"Ele sempre pergunta de você. Mas eu não vim aqui pra falar do meu filho. Vim pra saber como você está", rebaterá a loira. "Eu tô pronta pra voltar pra São Paulo, pra trabalhar, cuidar do meu namorado. Eu tou ótima e recuperada", mentirá Úrsula.

"Dá pra perceber que você tá dopada pela sua voz. E a sua avó disse que...", dirá a empresária. "Minha vó é uma enxerida. Ela achou um frasco antigo nas minhas coisas e cismou que eu me mediquei", interromperá a secretária.

"Você ainda não entendeu, Úrsula. Você só volta pro Empório e pro convívio da minha família se estiver limpa. Essa é a última chance que eu vou te dar. Se quiser o seu emprego de volta, da próxima vez que eu vier, você precisa me provar que tá bem", afirmará a madame vivida por Flávia Alessandra. "Eu vou ficar bem. Só mais uns dias, eu prometo. Já quase não tô tomando", prometerá a neta de Neusa.

Helena dirá que é melhor a jovem continuar morando com a avó durante um tempo, e Úrsula perguntará se o ex está namorando com a fisioterapeuta. "O Téo está bem. Para de pensar um pouco nele e pensa mais em você", sugerirá a ricaça nas cenas que devem ir ao ar na sexta-feira (27). 

Salve-se Quem Puder sairá do ar por tempo indeterminado por conta da pausa das gravações das novelas da Globo em decorrência do coronavírus. A partir do próximo dia 30, uma reapresentação compacta de Totalmente Demais (2015) será exibida na faixa das 19h. No folhetim, Marina Ruy Barbosa encena um triângulo amoroso com Felipe Simas e Fábio Assunção.


Saiba tudo que vai acontecer nos próximos capítulos das novelas no podcast Noveleiros

Listen to "#7: Final de Éramos Seis e futuro de Amor de Mãe: Saiba tudo que vai rolar!" on Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações exclusivas de Salve-se Quem Puder e de outras novelas!


Últimas de Salve-se Quem Puder


Resumos Semanais

Resumo da novela Salve-se Quem Puder: Capítulos de 14 a 17 de julho

Quarta, 14/7 (Capítulo 99)
Kyra fica dividida entre o amor que sente por Rafael e Alan. Luna explica a Mário que Helena foi vítima de Hugo e que ela ama o pai. Ermelinda pede desculpas a Alexia. Helena apoia a ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.