Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MEMÓRIA DA TV

Em 2001, Faustão tentou encontrar sósia de Murilo Benício para O Clone

DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

Murilo Benício e Giovanna Antonelli em O Clone

Murilo Benício e Giovanna Antonelli em O Clone; sósia do ator ganhou concurso, mas não papel na TV

THELL DE CASTRO

Publicado em 3/10/2021 - 6h45

De volta à Globo nesta segunda-feira (4), no Vale a Pena Ver de Novo, O Clone gerou uma situação constrangedora meses antes de sua estreia, há 20 anos. A emissora fez um concurso no Domingão do Faustão para encontrar um sósia de Murilo Benício, mas o resultado acabou não agradando à direção da trama de Glória Perez.

Em 21 de maio de 2001, a Folha de S.Paulo anunciou que o eleito iria trabalhar na novela das oito, contracenando com o ator, que viveria nada menos do que três papéis na produção. Ainda faltava decidir se a promoção seria realizada no Domingão, no Caldeirão do Huck ou no Fantástico --o programa de Fausto Silva acabou sendo o escolhido.

"Na segunda fase, Benício fará o papel do gêmeo que viveu, então com 38 anos, e de seu clone, com 20 anos. O sósia do ator participará de cenas em que Benício interpretará simultaneamente os gêmeos ou o sobrevivente e seu clone. Ele não terá falas. Na maioria das vezes, aparecerá de costas, em contraplano", informou a reportagem.

Em 24 de junho daquele ano, a primeira rodada do concurso ocorreu no Domingão, com cinco candidatos pré-selecionados pela produção. O público votaria pelo telefone para escolher dois deles, que iriam para a disputa final.

"Quando surgiu a ideia do concurso, a direção da emissora levantou a possibilidade de o vencedor ser escolhido pela autora Gloria Perez e a namorada de Benício [na época], a atriz Carolina Ferraz. Como as duas não demonstraram maior interesse, a decisão passou para a responsabilidade do público", registrou o jornal O Estado de S. Paulo daquela data.

divulgação/tv globo

Os cinco "sósias" de Benício no Faustão

Vencedor não foi aproveitado

O vencedor acabou sendo o advogado Rafael Mariano, então com 24 anos. No entanto, a imprensa destacou que nenhum dos candidatos era parecido a ponto de ser confundido com o ator.

"Murilo Benício finalmente encontrou seu sósia para a próxima novela das oito da Globo. Contudo, eles não foram exatamente separados na maternidade. Rafael lembra o ator, mas passa longe de ser confundido com Murilo nas ruas", destacou a revista IstoÉ Gente.

"O santista foi eleito por unanimidade pelo júri, formado pelo próprio Murilo Benício, visivelmente embaraçado com o mico, além da atriz Giovanna Antonelli e do diretor Marcos Schechtman", completou o texto.

No final das contas, o concurso acabou não servindo para muita coisa. Os diretores chegaram à conclusão de que o "clone" não era muito parecido com o ator nem tinha os atributos artísticos necessários para aparecer na produção.

Benício acabou vivendo Lucas, Diogo e Léo na novela, utilizando maquiagem e figurino para diferenciar os personagens. Contratado pela Globo, um especialista norte-americano em maquiagem ajudou na caraterização do ator.

Grande sucesso da emissora, O Clone foi exibida entre 1º de outubro de 2001 e 15 de junho de 2002, em 221 capítulos, tendo sido reapresentada no Vale a Pena Ver de Novo há 10 anos, entre janeiro e setembro de 2011, além do canal Viva, entre dezembro de 2019 e agosto de 2020.


Últimas de O Clone


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Após derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na GloboRenascer no Globoplay: Saiba por onde anda o elenco da novela 28 anos depois

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas