Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BEATRIZ BERTU

Atriz que fez sucesso bebê traz à tona rotina alarmante em novela: 'Fiquei doente'

NELSON DI RAGO/TV GLOBO

Atriz Isabela Garcia olha para o lado e sorri em cena de Bebê a Bordo ao lado da pequena Beatriz Bertu

Em Bebê a Bordo (1988), a pequena Beatriz Bertu viveu Helena, filha de Ana (Isabela Garcia)

GUILHERME MACHADO

guilherme@noticiasdatv.com

Publicado em 17/11/2021 - 6h30

Beatriz Bertu se tornou um rosto queridinho do Brasil ao ser destaque da novela Bebê a Bordo (1988), que entrou no catálogo do Globoplay. Na trama, ela era a pequena Helena, filha de Ana (Isabela Garcia). Com apenas dez meses de vida na época, a atriz não se lembra de nada de seu período nas gravações, apenas sabe as histórias que lhe contaram. O folhetim lhe trouxe muitos frutos positivos, mas a rotina chegou a alarmar seus pais, que preferiram que ela se afastasse do meio artístico.

"Eu tive quatro princípios de pneumonia, duas estafas. As gravações eram muito puxadas. Não existiam os Estúdios Globo, era uma gravação no centro da cidade, outra em Grumari. Chegou a um ponto em que eu estava gravando mais de 30 cenas por dia, o que para um bebê é muito. Eu fiquei muito doente, e meus pais não quiseram mais que eu continuasse nesse ritmo", relata ela em entrevista ao Notícias da TV

Depois que terminou a novela, eu nunca mais fiz nenhum trabalho, embora tenham me convidado. Meus pais quiseram, e hoje vejo que foi uma decisão muito acertada, que eu fosse criança, me divertisse. Aí eu resolveria o que eu faria da minha vida depois.

Beatriz, então, preferiu ir pelo caminho do esporte. Aos sete anos, ela se tornou ginasta e seguiu carreira até seus 15. Nesse período, a jovem chegou a participar de competições intencionais na África do Sul e na Dinamarca. 

"Foi uma experiência muito boa, acho que o esporte te dá muita disciplina. Pelo fato de eu treinar durante três horas por dia, precisava ser muito organizada em relação à escola. Sempre fui muito focada, gostava muito de fazer ginástica", destaca.

Porém, durante o campeonato na Dinamarca, Beatriz machucou seu joelho, o que a levou a repensar o que queria fazer como profissão. Estimulada pela mãe, ela procurou um curso de teatro na Casa das Laranjeiras e foi "tragada" novamente para o mundo da atuação. Hoje, aos 34 anos, é atriz e também assistente de direção.

Fiz um programa do Canal Brasil chamado País do Cinema, tenho outros projetos engatilhados também. Vou tentando sempre conciliar minha carreira de atriz com a de assistente de direção, porque gosto muito de fazer os dois. Eu comecei a entender de uma maneira muito diferente a profissão. A maneira como você se coloca dentro do trabalho também ajuda muito.

reprodução/instagram

Beatriz Bertu nos dias atuais

Eterna Bebê a Bordo

Apesar de passados mais de 30 anos desde a estreia da novela, a intérprete se surpreende ao ser reconhecida por sua personagem até hoje. "Fisicamente ainda existe um reconhecimento que acho muito louco. As pessoas falam que pareço ainda, acho isso engraçado. Não me cansa, creio que isso é muitas vezes uma referência afetiva na vida das pessoas", frisa.

A trama de Carlos Lombardi conta a saga de Ana, que para fugir da polícia pega uma carona com Tonico (Tony Ramos) e acaba dando à luz Helena no carro dele. Na vida real, Beatriz caiu de paraquedas nas gravações.

"Minha avó viu um anúncio de jornal muito pequeno, um quadradinho mesmo: 'Procura-se bebê para ser filha da Isabela Garcia na próxima novela das sete'. Ela encheu o saco da minha mãe para me levar. Ela foi bem despretensiosa, porque não tem absolutamente ninguém da minha família que seja da área artística", lembra.

Eu era uma criança muito tranquila, muito dada. Fiquei tranquilamente com todo mundo, fui aprovada imediatamente e comecei a gravar no dia seguinte. Minha mãe não teve nem tempo de pensar e digerir. Quem ficava comigo no set da novela era minha mãe. Ela parou de trabalhar na época para poder me acompanhar.

Ao longo do tempo, Beatriz chegou a ter encontros esporádicos com algumas pessoas do elenco, tendo um contato maior com a própria Isabela. Agora, ela quer revisitar o folhetim no Globoplay.

"Pretendo com certeza assistir. A novela passou no Viva, mas eu não conseguia parar para ver por causa do horário. Meu pai gravou a novela na época, todas as minhas cenas. Mas também nunca sentei para assistir a todas as fitas de VHS. Eu acho que agora talvez seja a oportunidade de poder assistir. É engraçadíssimo se ver bebê na TV", afirma ela.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#81 - Christian e Bárbara vivem desastre familiar em Um Lugar ao Sol" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Um Lugar ao Sol e outras novelas:


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.