Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

FIM DA LINHA

Após brigas e barracos, Angélica Ramos é a segunda eliminada de No Limite

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Angélica Ramos em No Limite 5

Angélica Ramos foi a segunda eliminada de No Limite 5; agora 14 ex-BBBs disputam o prêmio de R$ 500 mil

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 18/5/2021 - 23h55
Atualizado em 19/5/2021 - 0h34

Após trair a confiança de Mahmoud Baydoun, Angélica Ramos foi eliminada de No Limite 5 na noite desta terça-feira (18). Ela irritou boa parte de sua equipe por conta de seu forte temperamento, causando desconfortos na base da Tribo Calango, que lhe custou sua saída do reality show da Globo.

Bastante querida pelo público, a influenciadora digital deixou sua marca no BBB15 por sua sinceridade e excesso de confiança, que deixava seus adversários boquiabertos com as broncas e barracos que armou.

E logo no primeiro episódio, Angélica mostrou a que veio. Primeiramente, a ex-integrante da Tribo Calango ganhou destaque ao irritar Íris Stefanelli, da Tribo Carcará, após uma provocação em uma das provas em que a ex-apresentadora do TV Fama saiu derrotada.

No mesmo dia, também foi a protagonista no portal da eliminação. Ela havia se tornado uma das confidentes de Mahmoud Baydoun, que estava arquitetando votos para se salvar. Mas assim que soube que suas amigas e aliadas votariam no sexólogo, ela o traiu e também votou pela eliminação do colega.

Nesta semana, a influenciadora digital teve atritos com Gleici Damasceno e Jéssica Mueller, que acabaram custando sua permanência no jogo. Na primeira rodada no Portal da Eliminação, ela e a campeã do BBB18 receberam três votos cada, e a personal trainer apenas um.

Para desempatar, uma nova rodada foi feita, sem as participações de Angélica e Gleici. Carol Peixinho, Gleici Damasceno e Kaysar Dadour mantiveram seus votos na influenciadora digital, que acabou deixando a disputa pelo prêmio de R$ 500 mil.

Derrocada da Calango

Após perder Mahmoud na primeira semana, a Tribo Calango foi com sangue nos olhos para as novas provas. No entanto, o fogo inicial não durou até o final das disputas, e os rivais da Carcará conseguiram a invencibilidade no episódio da semana.

Na Prova dos Privilégios, os participantes enfrentaram um circuito de quatro etapas para resolverem um quebra-cabeças. Carol Peixinho, integrante da Calango, se atrapalhou em uma das etapas e acabou prejudicando os colegas. Assim, os integrantes da Carcará aproveitaram a brecha, ultrapassaram os rivais e venceram a disputa.

No entanto, durante a prova, os membros da Carcará acusaram o time de Íris Stefanelli de trapaça, e André Marques precisou dar uma bronca nos participantes para seguir com a disputa.

Entre as provas, Íris e Ariadna Arantes trocaram farpas durante um debate sobre prostituição. A influenciadora digital se irritou com os comentários da ex-titular do TV Fama sobre esta profissão. Além disso, Carol e Angélica transformaram o cabelo em fio dental na tentativa de manter a higiene bucal.

Na Prova da Imunidade, Jéssica Mueller atrapalhou os colegas da Calango com a sua falta de mira e carimbou o passaporte dos companheiros, mais uma vez, para o Portal da Eliminação, o qual elegeu a eliminação de Angélica


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários sobre BBB21


Saiba tudo sobre reality shows com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#39 - No Limite: O que deu certo e o que deu errado?" no Spreaker.


Últimas de No Limite 5

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Além de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na Globo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas