NOVO FILÃO?

Sucesso de Stranger Things abre portas para terror infantojuvenil na TV

Divulgação/Netflix

Priah Ferguson, Maya Hawke, Gaten Matarazzo e Joe Keery com expressões assustadas em cena da terceira temporada de Stranger Things

Priah Ferguson, Maya Hawke, Gaten Matarazzo e Joe Keery na terceira temporada de Stranger Things

LUCIANO GUARALDO, de Nova York - Publicado em 09/10/2019, às 05h10

O lançamento de Stranger Things conseguiu mais do que emplacar personagens como a heroína Eleven (Millie Bobby Brown) no panteão da cultura pop mundial. O sucesso da série de ficção científica da Netflix também deu o pontapé em um novo filão para o mercado audiovisual: o terror voltado para o público infantojuvenil.

"Agora que temos fenômenos como Stranger Things ou o filme It: A Coisa [2017], foi aberta uma porta para outros produtos do gênero. Isso nos dá liberdade para arriscar um pouco mais", explica o produtor Matt Kaplan ao Notícias da TV.

Kaplan, que esteve por trás tanto de longas de terror para adultos, como Renascida do Inferno (2015) e A Escuridão (2016), quanto de filmes teens fofos, do tipo Para Todos os Garotos que Eu Já Amei (2018) e O Date Perfeito (2019), vai misturar as duas categorias na minissérie Are You Afraid of the Dark?, que a Nickelodeon gringa estreia nesta sexta (11) como parte de sua programação de Halloween.

reprodução/youtube

Gavin (Sam Ashe Arnold) é atacado por monstro na minissérie Are You Afraid of the Dark?

O projeto é uma reimaginação da série Clube do Terror (1990-1996), que já botava um medinho nos jovens da época. Na nova versão, porém, tudo fica bem mais amedrontador. "A gente queria fazer o mais assustador possível. Mas, às vezes, até eu ficava um pouco receoso de estarmos indo longe demais", admite o ator Rafael Casal, único adulto do elenco e intérprete do vilão Mr. Tophat.

Durante a New York Comic-Con, evento de cultura pop que ocorreu na semana passada nos Estados Unidos, algumas cenas da nova versão foram exibidas. E, de fato, elas impressionam. A trama se passa em um parque de diversões itinerante, povoado por palhaços, contorcionistas macabros e monstros que saem da água para atacar as crianças que frequentam o local.

"Os palhaços são os mais assustadores, eu tive pesadelos com eles", conta a atriz Miya Cech, de apenas 12 anos e que nunca havia assistido a um filme de terror antes de ganhar o papel de Akiko. "Os atores eram fofos, ficavam me pedindo desculpas por me assustarem o tempo todo. Mas digamos que eu não tive muitos problemas para entrar na personagem e sentir o medo que ela deveria sentir."

"Se nós fizemos o nosso trabalho direitinho, acho que vamos traumatizar muita gente", torce o roteirista BenDavid Grabinski, que também espera que o projeto seja bem aceito para que novas temporadas de sustos venham aí.

divulgação/syfy

O leão Drooper (à dir.) deixa a fofura de lado e taca fogo em humano em Banana Splits Movie


Bonecos assassinos

Outro projeto que promete traumatizar crianças é The Banana Splits Movie, que o canal pago Syfy exibe neste sábado (12) nos Estados Unidos. O longa pega personagens da fofa série Os Banana Splits (1968-1970), uma TV Colosso (1993-1997) gringa, e coloca seus bonecos gigantes como psicopatas sanguinários.

A trama nada infantil mostra a gravação do último programa. Quando os bonecos (que são tratados como pessoas reais, e não atores fantasiados) ficam sabendo que sua atração foi cancelada, eles surtam e saem matando o público, a equipe e quem mais surge em seu caminho. Personagens são cortados com serras, queimados, mutilados e têm seus corações arrancados pelos "fofinhos".

Confira o trailer do filme (em inglês), ainda sem previsão de estreia no Brasil:

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Quem é o personagem mais trouxa da TV?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook