Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

MUDANÇAS

Sem negros, organizadores do Globo de Ouro prometem investir em diversidade

Divulgação/HFPA

Foto de Brad Pitt com estatueta do Globo de Ouro na mão após vencer prêmio de melhor ator coadjuvante em comédia

O astro Brad Pitt após vencer na categoria de melhor ator coadjuvante no Globo de Ouro 2020

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 27/2/2021 - 13h39

A Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood (Hollywood Foreign Press Association ou HFPA, no original) anunciou que fará uma série de mudanças para os próximos anos para criar mais diversidade no seu quadro de membros.

A organização responsável pelo Globo de Ouro sofreu com críticas de celebridades após uma reportagem do jornal Los Angeles Times revelar que não existem membros negros na agremiação. No total, ela conta 87 críticos listados.

Em texto publicado nesta sexta (26) em suas redes sociais, a HFPA respondeu às críticas e se comprometeu a tomar medidas para que o futuro da organização tenha mais diversidade. A publicação ainda diz que o assunto será abordado durante a cerimônia do Globo de Ouro deste ano, que ocorre neste domingo (28).

"Estamos totalmente comprometidos em garantir que nossa associação reflita as comunidades ao redor do mundo que vivem de filmes, TV e artistas, inspirando e educando-os", diz a HFPA no início do comunicado.

"Entendemos que precisamos trazer membros negros, bem como membros de outras origens sub-representadas, e vamos começar a trabalhar imediatamente para implementar um plano de ação para atingir esses objetivos o mais rápido possível", concluiu.

A investigação do Los Angeles Times revelou que a situação na organização é ainda pior. A HFPA não conta com membros negros há 20 anos, o que certamente influencia nas escolhas de indicados e vencedores do Globo de Ouro.

Ao tomarem conhecimento dos fatos relatados pelo jornal, astros de Hollywood, brancos e negros, foram às redes sociais para criticar a agremiação. Personalidades como Ava DuVernay, Shonda Rhimes, Sterling K. Brown, Kerry Washington, Judd Apatow, Patton Oswalt e Jurnee Smollett estão entre os nomes que repudiaram a situação.

A 78ª edição do Globo de Ouro ocorre neste domingo (28), às 22h, com apresentação da dupla Tina Fey e Amy Poehler. Como a cerimônia será realizada de maneira remota, cada uma das atrizes estará de em uma cidade diferente: Nova York (Tina) e Los Angeles (Amy). No Brasil, a exibição ficará por conta do canal pago TNT.

Veja abaixo a publicação da HFPA:

Confira também as mensagens críticas dos artistas sobre a situação do Globo de Ouro:


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou do final de Amor de Mãe?