Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

EM 2022

Sem direitos, Globo planeja faturar até R$ 12 milhões com futebol internacional

DIVULGAÇÃO/PSG

Neymar com uma camisa azul do PSG, em campo, marcando a bola durante um jogo do Campeonato Francês

Neymar no PSG; Globo quer faturar com cobertura jornalística do futebol internacional

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 10/11/2021 - 6h35

Mesmo sem ter os direitos de nenhum torneio regular da Europa atualmente, a Globo quer faturar com o futebol internacional. De maneira inédita, a emissora lançou no mercado publicitário um pacote para arrecadar patrocínios para a sua cobertura jornalística de torneios do Velho Continente na internet e no SporTV.

O Notícias da TV teve acesso à oferta enviada ao mercado publicitário. São três cotas de patrocínio, vendidas a R$ 4 milhões no preço de tabela. Ou seja: se conseguir comercializar todos os espaços, a Globo projeta um faturamento de R$ 12 milhões.

As marcas que estiverem interessadas podem entrar em contato com a Globo até 31 de dezembro para negociarem. Se a emissora não conseguir vender o pacote, ele será cancelado. A coluna apurou que uma empresa de apostas já mostrou interesse na compra de uma cota.

No pacote, a Globo promete inserções de espaços publicitários em seu site esportivo, o ge.globo, e exposição em telejornais do SporTV que mostram gols de campeonatos europeus, como Redação SporTV e SporTV News. São prometidos também tempos reais na internet de ligas da Inglaterra, Itália, Espanha, França e da Uefa Champions League.

O objetivo é mostrar que, mesmo que não tenha nenhum evento atualmente em seu catálogo de direitos de transmissão, a Globo é líder na cobertura esportiva no Brasil e consegue alcançar todos os públicos --mesmo que pela internet e pelas redes sociais.

O último torneio europeu exibido pela Globo foi a Eurocopa 2020, que ocorreu entre junho e julho. O campeonato ainda não tem casa definida para a mídia brasileira em 2024. A Uefa prepara a comercialização destes direitos para o mercado e quer definir quem será a casa da Eurocopa já no primeiro semestre do ano que vem. 


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.