Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

DAVE BAUTISTA

Ex-lutador deseja provar seu talento como ator em Army of the Dead

Divulgação/Netflix

Dave Bautista em cena de Army of the Dead

Dave Bautista em cena de Army of the Dead; astro viu no filme uma oportunidade para mostrar o seu talento

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 24/5/2021 - 6h50

Escolhido pelo diretor Zack Snyder para protagonizar Army of the Dead (2021), filme que estreou na sexta-feira (18) na Netflix, Dave Bautista quer apagar o estigma de "aventureiro" em Hollywood para provar o seu talento como ator. Famoso na cultura pop por interpretar Drax no Universo Marvel, o ex-astro da luta livre viu no longa uma oportunidade para mostrar a sua evolução.

Bautista percorreu um caminho semelhante ao de astros como Dwayne "The Rock" Johnson e John Cena para se tornar um grande nome de Hollywood. Após pequenas participações em séries como Smallville (2001-2011) e Chuck (2007-2012), o também ex-fisiculturista colecionou papéis em filmes de ação por conta do seu bom porte físico.

A chance dada por James Gunn para viver Drax em Guardiões da Galáxia (2014), porém, começou a mudar o status de Bautista dentro da indústria. Ao lado de nomes como Chris Pratt e Zoe Saldana, ele encontrou no humor um talento que até então poucos fãs conheciam.

Em entrevista coletiva para divulgar Army of the Dead, da qual o Notícias da TV participou, o ex-lutador revelou que quase negou o papel ao saber da premissa inicial. No entanto, após ler o roteiro escrito por Snyder, viu no longa --apesar da trama envolvendo apocalipse zumbi-- uma grande oportunidade de mostrar a sua evolução na profissão.

Nunca fiz um filme no qual eu pudesse mostrar meus talentos como ator. Ele me foi descrito como uma história de assalto com zumbis, e eu queria um filme para me mostrar como ator. Quando eu li o roteiro e descobri que Zack me queria, isso mudou tudo. Era um pai querendo se redimir com a filha. Isso me vendeu o projeto. Não era só um personagem de ação, era um cara tentando se redimir. Uma história de redenção.

Na opinião de Bautista, Army of the Dead é muito mais do que um filme sobre um apocalipse zumbi. Segundo o astro, apesar de a história principal ser sobre seu personagem, Scott, e sua filha, Kate (Ella Purnell), nenhum dos outros ficou na sombra deles. Para ele, todos os personagens do filmes são fortes, e o roteiro escrito por Snyder deu espaço para que cada ator tivesse o seu momento para brilhar.

"Éramos um elenco diverso, poderia ser um desastre se não tivéssemos tanta química. E funcionamos juntos. Isso tudo é crédito de Zack como diretor. Ele pega a câmera todos os dias e trabalha conosco. É muito reconfortante tê-lo queimando no sol conosco. Foi uma experiência enorme, eu aprendi muito, principalmente sobre direção. Somos todos estudantes aprendendo com ele, aprendendo e trabalhando com o melhor. Zack me levou para a escola."

Apesar da intenção de continuar se provando como ator, Bautista disse não ligar para ter que fazer contínuas cenas de ação. Por conta de seu passado como atleta, ele se gabou de seu porte físico e confessou não ter crise caso não consiga filmar algo pedido pelo diretor.

"Eu sou um atleta, tenho físico, então isso não foi um problema. Se tem algo que eu não acho que vou conseguir, ou acho que será demais, eu grito por Rob [de Groot], que é meu dublê. Ele é completamente capaz de fazer. Mas eu tenho físico, para mim é natural, por isso tive uma carreira de sucesso na luta livre", concluiu.

Assista abaixo ao trailer legendado de Army of the Dead:


Leia também

Enquete

Você gostou dos primeiros capítulos de Verdades Secretas 2?

Web Stories

+
Mitomaníaco, sem noção ou exibido? 5 vezes que Gui Araujo falou demais em A FazendaDe vendedor de pastéis a diretor de cinema: Por onde anda o elenco de Malhação 2008?Como aconteceu acidente com Alec Baldwin que matou fotógrafa no set de novo filmeCinco casais que se formaram no Casamento às Cegas Brasil e você não sabiaElenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novela

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas