Fora do ar

Triste, Sabrina Sato lamenta suspensão do Domingo Show: 'Período turbulento'

Divulgação/RecordTV

A apresentadora Sabrina Sato no palco do Domingo Show, programa da Record

Sabrina Sato no palco do Domingo Show; programa ficou apenas quatro semanas no ar antes de ser suspenso

REDAÇÃO - Publicado em 02/04/2020, às 11h25

Sabrina Sato falou diretamente a seu público sobre a suspensão do Domingo Show, que não irá ao ar na Record a partir desta semana, durante o período de pandemia de Covid-19. A apresentadora, que havia assumido o programa neste ano, não escondeu a tristeza e a frustração. A audiência do Domingo Show também vinha deixando muito a desejar.

Em vídeo que publicou no Instagram, Sabrina disse que seu sonho sempre foi fazer televisão e que está feliz da vida na Record. Desde o fim de 2019 ela vinha preparando o novo Domingo Show.

"Como todo programa novo, a gente vai gravando, ajustando de acordo com o que vocês querem ver. O que acontece é que só tivemos um domingo sem Covid-19. O mundo foi surpreendido pelo coronavírus, tudo mudou, e a gente precisou suspender o programa. Não dava mais pra gravar os novos quadros, a gente não tinha conteúdo nem pra reprisar", justificou ela.

Sabrina, no entanto, disse que vê o lado bom da vida e que o Made in Japão, quadro de reality do programa, será exibido nas noites de sábado. Mesmo assim, ela admite que ficou abalada com toda a mudança na programação da emissora.

"É claro que eu fiquei triste. Tô tentando disfarçar pra Zoe [filha dela], pros meus pais, pro Duda [Nagle, marido], mas nessas horas eu quis deixar a vaidade de lado e dividir com vocês que sempre torceram por mim, obrigada pelo apoio. Eu acredito muito que tudo isso vai passar, que é um período turbulento e difícil pra todos nós, mas temos que ser fortes espiritualmente, emocionalmente. Não podemos nos entregar nem desistir", estimulou seus seguidores.

"A gente precisa estar com as nossas armas, coragem, vontade de aprender, gratidão, humildade. Quero que vocês se cuidem, fiquem em casa. Espero vocês em breve no Made in Japão, na RecordTV, e sempre comigo. Acho que a gente vai sair mais forte de tudo isso, vai sair diferente, vai melhorar", afirmou.

No fim do vídeo, Sabrina agradeceu à equipe do Domingo Show e à Record pelo apoio e ressaltou: "Tenho muita fé que tudo vai dar certo. Fiquem em casa, se cuidem muito. Tá tudo bem aqui".

Mudança na programação

A Record comunicou na terça (1º) o que mudará em relação ao Domingo Show e ao Made in Japão. "A Record TV informa que o reality show Made in Japão passa a ser exibido aos sábados, às 22h15, a partir de maio. Neste domingo, 5 de abril, na faixa horária do Domingo Show, vai ao ar a sessão de filmes Cine Maior", disse a emissora em comunicado enviado à imprensa.

"A mudança faz parte da restruturação da emissora diante das limitações impostas pela pandemia do novo coronavirus. Novas gravações externas e em estúdio com plateias e participantes no palco, além de equipes técnicas e produção, estão interrompidas por recomendações das autoridades de saúde", completou a Record.

O Made in Japão foi totalmente gravado antes mesmo da estreia do novo Domingo Show. O anúncio do campeão, porém, seria feito ao vivo --como a Record fez no passado com o Batalha dos Confeiteiros. Em um desabafo que fez no Instagram ao revelar que estava com o novo coronavírus, o modelo e empresário Flávio Mendonça admitiu que não faz ideia se é o campeão da competição.

Sabrina Sato ficou quase um ano sem trabalhar e retornou neste ano com mais prestígio. Escalada para substituir Geraldo Luís no Domingo Show, ela ganhou todo o suporte da Record para mudar completamente o formato da atração, que antes apostava no assistencialismo.

Com diversos quadros divertidos e realities, a ideia era que a japonesa tivesse forças para vencer o Domingo Legal, do SBT, mas só passou vergonha nas quatro semanas em que foi ao ar. Ela foi nocauteada por seus adversários na disputa pelo público, e não demonstrou forças para deixar o terceiro lugar.

Na estreia, Sabrina registrou 3,8 pontos na Grande São Paulo. Em 15 de março, caiu para 3,3. Em 22 de março, marcou 4,6, seu melhor resultado. Porém, ficou quase com a metade do índice de Celso Portiolli, com seu Domingo Legal, no SBT. O apresentador fechou com 8,8 de média. No último domingo (29), ela voltou a anotar 3,8 e quase foi superada pela Band. Por pouco não terminou em quarto.

Confira o desabafo da apresentadora:

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

❣️

Uma publicação compartilhada por Sabrina Sato 🅱️+ (@sabrinasato) em


Saiba tudo que vai rolar nos próximos capítulos das novelas no podcast Noveleiros

Listen to "#8: O que podemos esperar das novelas reprisadas?" on Spreaker.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook