Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

EX-NAMORADO

Justin Timberlake apoia luta de Britney Spears e é criticado: 'Cara de pau'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Montagem de fotos com o ator e cantor Justin Timberlake (à esquerda) e a cantora Britney Spears (à direita)

Justin Timberlake (à esq.) e Britney Spears; ex-namorado falou sobre situação da cantora

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 24/6/2021 - 9h03

Após Britney Spears dar seu primeiro depoimento contra o próprio pai, Jamie Spears, na tarde de quarta-feira (23), Justin Timberlake declarou apoio à luta da ex-namorada e foi criticado nas redes sociais. "Você é um cara de pau", disseram os fãs da cantora. O ator confessou recentemente que se aproveitou do término com a ex-estrela teen para pintá-la como vilã nos anos 2000.

Britney Spears participou da audiência, realizada de maneira virtual, do processo em que ela pede o fim da tutela que seu pai tem sobre sua vida desde 2008. Ele exerce controle sobre a fortuna dela, carreira e até mesmo sobre detalhes da vida pessoal. "Quero minha vida de volta", desabafou a cantora.

A dona de vários hits pop recebeu apoio de muitos famosos e fãs, que subiram a hashtag Free Britney nas redes sociais. Timberlake também se pronunciou em sua conta no Twitter. 

Mas nem toda frase de suporte ao movimento #FreeBritney foi visto com bons olhos. Justin Timberlake, que namorou com a cantora de Baby One More Time entre 1999 e 2002, foi duramente criticado por seguidores e fãs ao escrever uma sequência de mensagens dando força para a ex.

"Depois do que vimos hoje, todos nós devíamos estar apoiando Britney neste momento. Apesar de nosso passado, bom e ruim, e não importa há quanto tempo foi, o que está acontecendo agora não é certo", começou o protagonista do filme Amizade Colorida (2011).

"Nenhuma mulher deve ser impedida de tomar decisões sobre seu próprio corpo. Ninguém deve nunca ser preso contra sua vontade. Ou nunca ter que pedir permissão para acessar tudo pelo que trabalhou tanto", continuou o músico, citando sua mulher, Jessica Biel.

"Jess e eu mandamos lembranças e apoio absoluto à Britney durante esse período. Esperamos que os tribunais e sua família façam isso direito e a deixem viver como ela quiser", concluiu ele. 

Apesar das palavras, Justin Timberlake foi detonado pelos fãs da artista, ainda mais após o lançamento do documentário Framing Britney Spears: A Vida de Uma Estrela (2021). A produção mostra como a mídia manipulou a opinião do público sobre o término do namoro do casal mais querido dos Estados Unidos entre 1999 e 2002.

O filme documental também expõe a forma como Timberlake tentou se aproveitar da situação para se colocar como vítima e pintar o papel de vilã na cantora. No início do ano, quando o documentário estreou e causou indignação entre os espectadores, o ex-N Sync se viu obrigado a emitir um comunicado.

"Eu lamento profundamente pelas vezes na minha vida em que minhas ações contribuíram para o problema, quando falei demais ou quando não falei pelo que era certo. Eu entendo que fiquei aquém nesses momentos, e em muitos outros, e me beneficiei de um sistema conivente com misoginia e racismo", escreveu ele, na época. 

Por conta disso, os fanáticos pela artista não compraram o apoio do ex-namorado de Britney. "Na Argentina nós temos uma expressão para pessoas como você: cara de pau!", criticou um perfil identificado como Ale Puaner. 

Confira: 

Veja algumas reações:


Leia também

Web Stories

+
Ana ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acaloradaFim de casamento e cirurgia perigosa: Como estão os vencedores do Power Couple BrasilLustre de cristal e piso de mármore: Conheça o Carioca Palace, hotel de Pega Pega

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?