Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

CORONAVÍRUS

Galã português de Salve-se Quem Puder passa sufoco em aeroporto: 'Ridículo'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

O ator José Condessa caracterizado como o Juan em cena de Salve-se Quem Puder

O ator português José Condessa em cena de Salve-se Quem Puder como o mexicano Juan

REDAÇÃO

Publicado em 22/3/2020 - 17h18

Com a pausa nas gravações de Salve-se Quem Puder por conta da pandemia de coronavírus, José Condessa regressou a Portugal neste domingo (22). O ator lusitano, entretanto, reclamou nas redes sociais ao ser obrigado a se desfazer de um frasco de álcool gel ainda no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. "Ridículo", disparou ele.

O galã afirmou que tomou todas as medidas cabíveis para evitar se contaminar com o vírus transmissor da Covid-19. "Estou a tentar estar o mais protegido possível, mas não encontro máscaras em lugar nenhum. Estão esgotadas. Uso uma t-shirt na volta do nariz e da boca, além de luvas", explicou o intérprete de Juan no folhetim de Daniel Ortiz.

Ele foi obrigado a descartar um frasco de álcool gel ao passar pelas máquinas de Raio-X, por ter colocado a substância em um recipiente menor e sem rótulo. "Coloquei em uma garrafa mais pequena (sic), de creme de cabelo e eles me obrigaram a jogar fora. Isso é ridículo", reclamou o bonitão.

Nos stories seguintes, o artista mostrou que conseguiu uma máscara para não precisar amarrar mais a camiseta em torno de seu rosto. Ele também exibiu a rotina de limpeza ao embarcar em seu avião, ao usar lenços umedecidos para dar uma geral em sua poltrona e objetos pessoais como o passaporte.

Ao chegar em Lisboa, o ator se despediu de sua namorada, Bárbara Branco, sem beijos ou demonstrações de carinho. À distância, ele acenou para a garota antes de partir para o Alentejo, no sul do país, para ficar de quarentena com a sua família.

Assista ao desbafo de José Condessa nas redes sociais:

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?