Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

INTERNADA NO RJ

Família de Nicette Bruno desmente fake news de morte: 'Abala profundamente'

THIAGO DURAN/AGNEWS

Nicette Bruno no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo, em setembro de 2019

Nicette Bruno no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo, em setembro de 2019; atriz internada por Covid-19

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 17/12/2020 - 22h25
Atualizado em 17/12/2020 - 22h54

Um boato sobre a morte de Nicette Bruno se alastrou nas redes sociais nesta quinta-feira (17). Com Covid-19, a atriz de 87 anos está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Casa de Saúde São José, no Rio de Janeiro. Vanessa Goulart, neta da veterana, desmentiu a fake news e lamentou o fato disso ter se espalhado na internet: "Abala profundamente a família", desabafou.

"Infelizmente, foi divulgada uma fake news dizendo que minha avó tinha partido. Isso não é verdade, graças a Deus. Ela continua na luta. Nós continuamos com orações, cheias de fé e amor", declarou a filha de Bárbara Bruno em seu Instagram.

A apresentadora alertou os seguidores para que fiquem atentos apenas aos canais oficiais da família, pois sua mãe e os tios, Beth Goulart e Paulo Goulart Filho, informam diariamente sobre a saúde da artista.

"É muito duro a gente ter que viver nesses tempos em que uma notícia é dada dessa maneira tão irresponsável. Por favor, vocês que amam a minha avó. Eu sei que amam verdadeiramente, só acompanhem as redes sociais oficiais da nossa família", pediu.

"Peço de coração. Meu coração está disparado até agora. Que tempos. Que tempos que vivemos em que as fake news chegam antes para a família. Então, vamos continuar conectados com a luz, com o bem, com o amor e fiquem ligados só nas notícias das redes sociais dos familiares", comunicou.

Bárbara, mãe de Vanessa, também denunciou a falsa notícia. "O estado de minha mãe é delicado. É grave. Mas ela continua viva. Ela está viva. Muito viva! E lutando pela sua vida. Fico muito triste com a fake news. Mas feliz porque é fake news. A luta continua", desabafou. 

O filho da veterana fez questão de ir às redes para negar os rumores. "Saiu uma fake news dizendo que minha mãe tinha falecido. Não é verdade. É mentira. Minha mãe continua em estado grave, mas está lá, lutando e respondendo bem ao tratamento. Continuamos com fé. Ela está firme e forte e, se Deus quiser, vai sair dessa. Infelizmente, as pessoas aproveitam do estado delicado e da família. Mas não é verdade", iniciou. 

"Minha mãe está aí. Continua lutando, seguindo o tratamento dela. Vamos continuar com nossa fé e esperança. Cuidado. Não acreditem em tudo que as pessoas falam. Graças a Deus minha mãe continua firme e forte na sua luta. Estamos juntos", finalizou Paulo. 

De acordo com último boletim médico divulgado na segunda-feira (14), Nicette teve piora no quadro clínico e seu estado é considerado grave. "Ela segue sedada, dependente de ventilação mecânica e realizando hemodiálise. Está sob cuidados intensivos de equipe multidisciplinar", informou a equipe médica.

Ao Notícias da TV a assessoria de imprensa da unidade hospitalar comunicou que a atriz "segue em estado grave". "A Casa de Saúde São José esclarece que a notícia que circula nas redes sociais sobre o falecimento da atriz Nicette Bruno não é verdadeira. A paciente segue internada na UTI do hospital, dependente de ventilação mecânica, e o quadro continua grave", informaram em nota de esclarecimento. 

Procurada pela reportagem, Beth informou que o quadro de sua mãe "permanece o mesmo". A artista tem usado as redes sociais para convocar uma corrente de orações pela recuperação de Nicette. O momento acontece diariamente às 18h. "Que ela receba nosso amor, nossa fé, nossa esperança, a energia de luz, de amor, de gratidão, de respeito", dizem os filhos e netos.

Veja vídeo publicado por Vanessa Goulart, Beth Goular e Paulo Goulart Filho:


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?