Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

'SOU CONTRA'

Ex-jogadora de vôlei, Fernanda Venturini presta desserviço ao se vacinar

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

A ex-jogadora de vôlei Fernanda Venturini toma vacina contra a Covid-19 de capacete

A ex-jogadora de vôlei Fernanda Venturini recebeu a primeira dose da vacina da Pfizer

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 27/6/2021 - 17h59

Ao receber a primeira dose do imunizante contra a Covid-19 no sábado (26), Fernanda Venturini prestou um desserviço ao dizer que era "contra a vacina" e que havia escolhido a Pfizer por ser "a menor pior" e por ter intenções de viajar. As falas repercutiram mal neste domingo (27) e ela publicou um novo vídeo com uma defesa sobre o caso. 

"Nós viemos pedalando aqui para tomar a vacina. Eu sou contra a vacina, mas como eu quero viajar o mundo, eu vou tomar. Vou tomar a Pfizer, porque eu acho que é a menos pior", disse ela. A ex-jogadora tem 50 anos e, segundo o calendário de vacinação de São Paulo, poderia ter se vacinado desde o último dia 19. 

Pelo perfil nas redes sociais, a atleta afirmou que se vacinou em um posto de saúde da zona sul da capital e aproveitou para dar dicas aos seus mais de 100 mil seguidores sobre o melhor lugar para encontrar vacinas da Pfizer ou da Janssen.

"Que esse vírus do mal suma e não volte nunca mais! Quem mora em São Paulo, aqui está vazio vazio. É Pfizer até acabar, depois vai entrar a Janssen", avisou.

Pelas redes sociais, internautas e famosos criticaram a postura da ex-jogadora. O jornalista esportivo Eudes Junior escreveu: "Que (falta de) vergonha, Fernanda Venturini". Um usuário disse que ela estaria "rindo das 500 mil vítimas que não tiveram a chance" de se vacinar. "Desserviço, inacreditável", soltou outro. Ex-jogadoras de vôlei, Ana Moser e Fabi Alvim ironizaram os comentários de Fernanda.

Confira o vídeo de Fernanda Venturini:

Outro lado

Depois da repercussão negativa, Fernanda Venturini apagou o vídeo do momento em que se vacinou e publicou um outro para se defender das críticas e xingamentos que recebeu nas últimas hora. De acordo com a ex-jogadora, as declarações foram mal interpretadas e que ela tem um programa sobre saúde no YouTube:

Estou aqui para tirar o mal-entendido porque muito mal interpretada ontem (27) quando eu falei da vacina. Vocês acham que eu estou feliz com 500 mil mortes que o Brasil teve, o mundo teve milhões de mortes, vocês acham? Se eu fosse contra, não teria me vacinado. Tenho um programa de saúde no YouTube. Espero que as pessoas tenham mais educação e respeito. Me xingaram de tudo que é nome. As pessoas não têm direto a entrar no seu Instagram e te xingar. Estou muito chateada com a repercussão que teve porque hoje o que eu faço é promover saúde. Se eu magoei alguém, peço desculpas. Mas não foi isso que eu quis dizer.

Assista abaixo:

Vacina não se escolhe

Profissionais da saúde afirmam que todos os imunizantes disponibilizados --AstraZeneca, Coronavac, Pfizer e, mais recentemente, Janssen-- tem alta eficácia contra a Covid-19, entre 70% e 90%, e protegem contra formas mais graves da doença.

Em entrevista ao UOL, o médico sanitarista e ex-presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Gonzalo Vecina Neto, disse que a tentativa de escolher a vacina contra a Covid-19 é "ignorância" das pessoas.

Ele relembrou o estudo realizado na cidade de Serrana, feito pelo Instituto Butantan, que vacinou toda a população acima dos 18 anos com a CoronaVac. A queda de mortalidade na região foi de 95%.

O médico ainda afirmou que a falta de vacinação em massa e a recusa por imunizantes, além de atrapalhar o abastecimento nos postos de saúde dos Estados, aumenta o risco do surgimento de novas cepas do coronavírus que sejam resistentes às atuais vacinas.

TUDO SOBRE

Coronavírus


Leia também

Enquete

Você gostou dos primeiros capítulos de Verdades Secretas 2?

Web Stories

+
Como aconteceu acidente com Alec Baldwin que matou fotógrafa no set de novo filmeCinco casais que se formaram no Casamento às Cegas Brasil e você não sabiaElenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novelaOutubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na política

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas