Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

AGORA VAI?

Datena reclama de fusão do PSL com DEM e anuncia candidatura ao Senado pelo PSD

REPRODUÇÃO/BAND

O apresentador José Luiz Datena com um terno preto e uma gravata azul, falando com o público do Brasil Urgente

Datena: apresentador deixa PSL para se filiar ao PSD, de olho em vaga no Senado Federal em 2022

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 2/11/2021 - 17h06

O apresentador José Luiz Datena anunciou nesta terça-feira (2) que deixou o PSL, partido ao qual estava filiado desde o início do ano. Nos próximos dias, o âncora do Brasil Urgente, da Band, irá se juntar ao PSD para ser candidato ao Senado Federal por São Paulo nas eleições de 2022. "O [Gilberto] Kassab é um cara confiável e eu acredito muito nele", disse o jornalista.

A revelação foi feita em conversa com Cátia Fonseca, sua colega de emissora, na passagem do programa O Melhor da Tarde para o Brasil Urgente. Datena disse que sua saída do ex-partido do presidente Jair Bolsonaro se deu por causa da fusão com o DEM, de ACM Neto. O jornalista afirmou que não foi bem aceito pelos correligionários do antigo PFL.

"Desde que eu comecei a conversar com o PSL, conversei muito com a Janaína Paschoal, eu sempre falei que o meu objetivo era me candidatar ao Senado. O partido queria muito que eu fosse candidato ao governo de São Paulo. Mas depois, eles me deram incumbência de ser candidato a presidente. O que aconteceu agora é que teve essa fusão com o DEM", explicou.

"Não que eu goste do que está acontecendo, é porque não é um problema meu. Espero que o partido seja cada vez maior e importante, mas eu não me dei bem com eles após essa fusão, e por isso eu decidi sair agora e atender outros convites", afirmou.

Datena diz que uma das propostas que recebeu foi do Patriota, partido de Flávio Bolsonaro, filho do atual mandatário do país. O outro foi do PDT, organizado por Carlos Luppi e Ciro Gomes, que deve sair novamente como candidato à presidência ano que vem. Ainda não há uma data exata para a filiação de Datena ao PSD.

"O Kassab vai me lançar como candidato ao Senado, e ele deve anunciar a data que eu vou me filiar logo menos. Essa fusão DEM/PSL vai fazer o partido ter muito dinheiro, e eu não quero isso. Eu só quero servir ao povo. Eu quero entrar para a vida pública para ajudar o povo. E só isso", resumiu Datena.

"Eu acho importante que apareça gente assim porque, se não rolar, o Brasil não vai mudar. O PSD é um ótimo partido, o Kassab é um cara confiável, e eu acredito muito. Queria agradecer aqui aos convites do Patriota, ao PDT de Ciro Gomes, que foram bem gentis comigo", concluiu.

A Band só trabalha com a possibilidade de perder Datena em maio do ano que vem e conta com ele para inflar sua nova programação, que será lançada a partir de janeiro de 2022. A grande novidade é a chegada de Faustão, que ocupará a faixa das 20h30 de segunda à sexta.


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.