Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

RECRIOU A PASTA

Bolsonaro nomeia genro de Silvio Santos como novo ministro das Comunicações

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Reprodução de imagem de Fabio Faria e Patricia Abravanel

Fabio Faria e Patricia Abravanel; Bolsonaro nomeou genro de Silvio Santos como Ministro das Comunicações

REDAÇÃO

Publicado em 10/6/2020 - 23h15

Na noite desta quarta-feira (10), Jair Bolsonaro anunciou a recriação do Ministério das Comunicações e nomeou o deputado federal Fabio Faria (PSD-RN), genro de Silvio Santos, como titular da pasta. A decisão foi publicada na página do Facebook do presidente, sem mais detalhes sobre a escolha. O novo ministro é casado com Patrícia Abravanel desde 2017, com quem tem três filhos.

Fabio comandará o órgão responsável pela regulamentação dos serviços de telecomunicações, radiodifusão, inclusão digital e seviços postais no território nacional. 

A pasta havia sido integrada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação desde 2016, no governo de Michel Temer (MDB-SP). No entanto, conforme divulgado por Bolsonaro, ela será recriada via Medida Provisória e desmembrada das atribuições de Marcos Pontes, atual ministro.

No mês passado, após a decisão de Silvio Santos de não exibir o SBT Brasil, principal jornal da emissora, o deputado negou interferência política. "Mentira, mentira, mentira. Jamais houve reclamação do governo sobre a divulgação do famoso vídeo no SBT. O governo comemorou o vídeo. Jamais o Silvio aceitaria qualquer tipo de interferência", disse ele no Twitter.

Fabio e Patricia estão juntos desde 2014 e se casaram em 2017. Antes da titular do Topa ou Não Topa, ele se relacionou com as apresentadoras Adriane Galisteu e Sabrina Sato, e com a atriz Priscilla Fantin.

Confira o anúncio de Jair Bolsonaro com a recriação da pasta:

No Twitter, alguns usuários criticaram a escolha de Bolsonaro, tendo em vista a proximidade de Fábio com Silvio Santos. Veja:

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?