Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NO APERTO

Após vaquinha online flopada, Rita Cadillac vende gel íntimo para pagar as contas

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Imagem de Rita Cadillac com um vestido curto e vermelho, com as pernas cruzadas para cima

Rita Cadillac em propaganda de gel íntimo nas redes sociais; ex-chacrete tenta sair do aperto financeiro

REDAÇÃO

Publicado em 14/7/2020 - 9h09

Rita Cadillac decidiu investir na venda de um gel lubrificante para pagar as contas durante a pandemia da Covid-19. Sem shows desde março, a ex-chacrete ficou sem dinheiro e precisou recorrer ao auxílio emergencial de R$ 600 do governo. Depois disso, alguns amigos ainda tentaram arrecadar R$ 4 mil em uma vaquinha online para ajudá-la financeiramente, mas conseguiram apenas R$ 275.

Sem muitas alternativas para quitar os boletos, Rita tem investido em publicidade nas redes sociais, entre elas está a da marca de gel íntimo. "Fazia 15 shows por mês e toda a minha agenda até 11 de julho foi cancelada. Ia começar a ensaiar uma peça quando a pandemia começou", lamentou ela, em entrevista ao jornal Extra.

Cadillac não tem casa própria e usou a primeira parcela do auxílio emergencial para pagar uma parte do condomínio e a conta de luz do apartamento onde mora, no bairro de Santa Cecília, no centro de São Paulo. Segundo ela, sua reserva de dinheiro guardada daria para se sustentar até o fim do ano, caso continue sem fazer shows.

"Quem pediu o benefício foi a cidadã Rita de Cássia. Porque a Rita Cadillac está dormindo desde que começou a pandemia", explicou. "Não estou passando por dificuldade. Eu tenho comida. A cidadã pediu como ajuda. Não fiz nada de errado nem ilícito", ressaltou ela.

Após começar a flexibilização das regras de isolamento social em São Paulo, Rita participou de um evento em uma pizzaria de Pirituba, bairro da zona norte da cidade. Usando máscara, ela entregou pizzas aos clientes, tirou fotos e deu autógrafos atrás do balcão.

As parcerias com restaurantes da vizinhança haviam sido as únicas que apareceram no começo, mas ela assegurou que não cobrava pela divulgação e fazia propaganda por solidariedade. "Faço para ajudar, não ganho nada. É uma solidariedade para eles que agora têm que trabalhar com delivery", esclareceu.

Além de algumas propagandas nas redes sociais, outras formas que Cadillac encontrou de ganhar dinheiro durante a pandemia foram com pocket shows de 40 minutos a R$ 4 mil, jantar na casa dela por R$1,4 mil, foto autografada por R$ 25 e vídeos personalizados a R$ 250.

 Confira abaixo a parceria de Rita com o gel lubrificante:

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?