Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ISABELA TIBCHERANI

Após falsa prisão do pai, namorada de Rafael Miguel revela que passou mal

Reprodução/Instagram

Isabela Tibcherani sorridente ao lado de Rafael Miguel, de óculos

Namorada de Rafael Miguel, Isabela Tibcherani voltou às redes sociais após surto pela falsa prisão do pai

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 29/10/2020 - 9h14

Namorada de Rafael Miguel, Isabela Tibcherani voltou às redes sociais na noite da última quarta-feira (28) após entrar em desespero quando soube que a polícia se enganou ao divulgar a informação de que o seu pai, Paulo Cupertino, acusado pela morte o ator, havia sido preso. A jovem disse que teve uma crise com a falsa notícia e passou mal.

"Esse é o resultado das notícias espalhadas, de milhares de ligações no meu celular. Peço desculpas pela explosão, mas já é difícil demais ter que lidar com tudo e ainda receber esse turbilhão de informações. Estou muito mal, exausta emocionalmente", escreveu na legenda de uma foto em que aparece de máscara preta derramando uma lágrima.

Mais tarde, durante a madrugada, ela divulgou uma sequência de Stories tranquilizando os fãs. Ela disse que estava mais calma. "Estou melhor, mais calma. Foi um baque, um dia atípico e cheio de emoções. Vai ficar tudo bem. Eu sinto muito por ter explodido, mas é difícil manter a sanidade com tantos altos e baixos. Sou de carne e osso e muito, mas muito coração, que precisa ser cuidado e tratado com carinho", afirmou.

Isabela aproveitou para dizer que vai dar uma pausa das redes sociais: "E, quem sabe, voltar diferente e mais decidida. Deus abençoe vocês", completou.

Mais cedo, ao saber que o pai não havia sido preso, a garota apagou as fotos de seu Instagram e fez um desabafo. "Incompetência, falta de responsabilidade emocional. Eu espero que ninguém de reportagem alguma entre em contato comigo novamente. Vocês não fazem ideia do que causaram, do tanto que chorei. Monstros incompetentes. Para mim chega", escreveu.

Falsa prisão

Paulo Cupertino continua sendo procurado como principal acusado pelo assassinato do ator Rafael Miguel e dos pais dele, João Alcisio Miguel e Miriam Selma Miguel, em 9 de junho de 2019.

O delegado-geral de Polícia de São Paulo, Ruy Ferraz Fontes, anunciou que a Polícia Militar do Paraná realizou a prisão de Cupertino. Horas depois, no entanto, ele corrigiu a informação dizendo se tratar de um erro.

Paulo Cupertino é acusado de atirar 13 vezes nas vítimas por supostamente não aceitar o relacionamento da filha com o ator.


Leia também

Web Stories

+
Pedido divino e ‘cutucada’ no Facebook: 5 casais famosos que se conheceram onlineChurrasqueira em chamas e perseguição animal: Melhores momentos do Domingão do FaustãoAnitta, Juliette e Paolla Oliveira: Famosos que se posicionaram politicamente na webDe violência doméstica a desemprego: Como está o elenco de Roque SanteiroDe Fernanda Montenegro a Sônia Braga: Cinco atrizes que entraram para a história

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual o melhor reality show exibido no momento?