Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

DESDOBRAMENTO

Alec Baldwin entrega celular às autoridades que investigam morte em Rust

DIVULGAÇÃO/ABC

O ator Alec Baldwin participante de entrevista para o canal ABC

Alec Baldwin em entrevista especial para ABC sobre a morte da diretora de fotografia no set do filme Rust

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 14/1/2022 - 20h40

Alec Baldwin entregou nesta sexta-feira (14) seu celular às autoridades que investigam a morte de Halyna Hutchins (1979-2021), diretora de fotografia de Rust, atingida por um tiro no set de filmagens em outubro de 2021, no Novo México. O aparelho foi cedido à polícia um dia após a cobrança do Departamento do Xerife do Condado de Santa Fé, responsável pela investigação do caso.

De acordo com o site The Wrap, um representante do escritório do xerife em Santa Fé afirmou que a equipe jurídica de Baldwin entregou o telefone às autoridades policiais do condado de Suffolk, Nova York, que coletarão informações pelo telefone e fornecerão as evidências ao escritório do xerife.

Ao Deadline, o advogado de Baldwin, Aaron Dyer, confirmou que o telefone do ator foi entregue aos investigadores. "Alec voluntariamente entregou seu telefone às autoridades esta manhã para que possam terminar a investigação."

Dyer disse ainda que não há respostas sobre a morte da diretora de fotografia no celular de Baldwin. "Alec não fez nada de errado. É claro que ele foi informado de que era uma arma fria, e ele estava seguindo instruções quando ocorreu esse trágico acidente. A pergunta real que precisa ser respondida é como as munições reais chegaram ao set em primeiro lugar."

O mandato foi expedido em dezembro de 2021, sob a justificativa de que o ator havia conversado por email com Hannah Gutierrez-Reed, armeira do filme, sobre a arma utilizada na cena que culminou na morte de Halyna.

Segundo a Insider, Hannah instaurou um processo em que afirma que Baldwin não compareceu ao treinamento para a utilização das armas e acusa o fornecedor da munição do filme de ter misturado balas reais com falsas.

Em 8 de janeiro, o ator publicou um vídeo em sua conta no Instagram no qual disse estar disposto a colaborar com as autoridades, mas ponderou que a entrega "é um processo que leva tempo". Segundo ele, as autoridades do Novo México, local onde ocorreu o caso, precisam formalizar o pedido para os agentes do Estado de Nova York, onde Baldwin reside.

No final de 2021, Baldwin comentou sobre o caso em uma entrevista especial para à ABC. Ele afirmou que não se sente culpado ou responsável pela morte da diretora. A íntegra deste material está disponível no Brasil pelo Star+, com o título Alec Baldwin: Unscripted.

TUDO SOBRE

Alec Baldwin


Leia também

Enquete

Você gostou de Tadeu Schmidt no comando do BBB22?

Web Stories

+
BBB 22: Pegação, ameaça de desistência e queridômetro sacodem edição paz e amorBBB 22: Luciano sabota sonho da fama e se frustra com número de seguidoresFinal de Malhação na Globo tem sequestro, incêndio e final feliz; saiba tudoPor que Ludmilla e Anitta brigaram? Entenda a treta que respingou no BBB 22BBB22: Cinco vezes em que Naiara Azevedo atraiu o ranço do público na primeira semana

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas