Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ALERTA FEITO

No paredão do BBB 22, Gustavo implora para Paulo André escapar de maldição

REPRODUÇÃO/GLOBOPLAY

Montagem com Gustavo Marsengo e Paulo André Camilo no BBB 22

Gustavo Marsengo e Paulo André Camilo no BBB 22; investidor fez apelo para evitar eliminação

ERICK MATHEUS NERY

erick@noticiasdatv.com

Publicado em 11/4/2022 - 19h57

Preocupado com o resultado do atual paredão do BBB 22, Gustavo Marsengo fez um apelo para Paulo André Camilo. Nesta segunda-feira (11), o investidor relembrou a maldição do quarto lollipop e implorou para que o atleta não durma em uma das camas do cômodo colorido.

Atualização -> Natália Deodato é a 13ª eliminada do reality com 83,43%

"Não dorme naquela cama hoje, só por excesso de zelo", pediu Marsengo, enquanto PA e Pedro Scooby conversavam sobre a divisão das camas. "Mas o Pedro quebrou essa maldição [quando dormiu lá], um dia antes do paredão dele", apontou o velocista.

O apelo divertiu os confinados e, em seguida, o surfista detalhou para os aliados uma conversa que havia tido com Jessilane Alves: "A Lina [Linn da Quebrada] foi, era o apoio dela. Ela está triste, sentiu muito. Estou apoiando, falando as coisas boas para pensar positivo".

Scooby tentou tranquilizar a sister, que segue abalada por causa da eliminação da cantora. "Aqui é uma vivência de coisas boas e ruins. Acho que você foi excepcional, na forma com que você se transformou, porque é isso. Não importa o que as pessoas vão achar, o que importa é o que você vai achar", opinou o ex-marido de Luana Piovani na ocasião.


Saiba tudo sobre o BBB 22 com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#72 - Por que a Pipoca fracassou tanto no BBB 22?" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários, entrevistas e vídeos ao vivo sobre reality show:


Últimas de BBB22

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.