Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

VIOLÊNCIA

Após apoio a Prior no BBB20, jogadores de futebol se calam sobre denúncias de estupro

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Reprodução de imagem de Neymar Jr e Gabriel Barbosa, o Gabigol

Neymar Jr. e Gabriel Barbosa (Gabigol) apoiaram Felipe Prior nos últimos dias, mas não comentaram as acusações

REDAÇÃO

Publicado em 3/4/2020 - 20h12

Após a revelação das denúncias de estupro e de tentativa de estupro contra Felipe Prior, os jogadores de futebol que torceram pela permanência do rapaz no Big Brother Brasil 20 ficaram em silêncio nesta sexta-feira (03). Neymar Jr., Lucas Paquetá e Gabriel Barbosa, o Gabigol, foram alguns dos astros dos campos que fizeram campanhas em suas redes sociais para ajudarem o arquiteto a derrotar Manu Gavassi no paredão. 

Felipe foi eliminado da atração na última terça-feira (31), com 56,73% dos votos. O atacante do Paris Saint-Germain foi um dos principais apoiadores de Prior e desistiu de acompanhar o programa após a eliminação dele.

Dos apoiadores de Prior, apenas Richarlison de Andrade se posicionou sobre as acusações: "Se isso que foi dito sobre o Prior na matéria se confirmar, na humildade, peço desculpas e retiro o apoio que dei a ele nessa última semana no jogo, ainda que não soubesse dessas acusações, igual a todos vocês. Espero que tudo se esclareça logo!".

Do outro lado, famosos repudiaram o caso e criticaram a relativização feita por alguns internautas. Bruna Marquezine não falou diretamente sobre o caso, mas compartilhou dois tweets nos quais pede respeito pelas vítimas. Ontem, após uma brincadeira de Felipe nas redes sociais sobre a eliminação, eles conversaram e fizeram as pazes. 

Anitta não manifestou torcida ao arquiteto durante o programa, no entanto, anteriormente ela o convidou para uma festa. Os seguidores da artista criticaram a atitude e ela respondeu: "Realmente as acusações que surgiram sobre ele são graves. Como uma mulher feminista, abomino qualquer ato de violência contra nós mulheres".

O influenciador digital Felipe Neto alertou seus seguidores sobre o conteúdo sensível da reportagem da revista Marie Claire e criticou as manifestações a favor de Felipe, realizadas por alguns internautas: "Estou dizendo que os sinais de que esse era um homem violento estavam visíveis no programa, mas nós, como sociedade, tendemos a aceitar o macho agressivo como normal".

Hugo Bonemer, que prometeu compartilhar um nude caso Prior saísse do reality, publicou uma série de publicações nas quais também repudiou o caso: "É muito normal que as pessoas abusadas só se sintam com coragem pra falar quando a pessoa que abusou ganhe notoriedade".

Sobre os participantes do Big Brother Brasil, até o fechamento deste texto, o perfil de Thelma Assis citou o caso, ao compartilhar a matéria nos stories. Lucas Gallina, amigo de Felipe no confinamento, afirmou ser contra o linchamento (de forma geral) e disse: "Vamos deixar a história acalmar e ser resolvida da melhor maneira possível. Que a verdade apareça, mas eu não quero ser injusto com ninguém".

Confira os tweets dos famosos sobre o caso:


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos sobre o Big Brother Brasil e também revelações exclusivas de novelas!

Últimas de BBB20

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?