Séries

Oscar da TV

De melhor direção a ator: Emmy quebra tabus e premia minorias

Divulgação/Television Academy

Donald Glover recebe o Emmy de melhor diretor de uma série de comédia, por Atlanta - Divulgação/Television Academy

Donald Glover recebe o Emmy de melhor diretor de uma série de comédia, por Atlanta

JOÃO DA PAZ - Publicado em 18/09/2017, às 01h06

O Emmy de 2017 quebrou tabus ao premiar mulher e negros em categorias como melhor roteiro e ator. Realizada no domingo (17) em Los Angeles, a maior festa da TV entregou pela primeira vez na história uma estatueta de melhor diretor em série de comédia a um negro. A honra ficou com Donald Glover, de Atlanta. O faz-tudo da atração também venceu como ator, prêmio dado a última vez a um negro em 1985 _Robert Guillaume, por Benson (1979-1986).

Entre os atores de drama, o melhor intérprete também foi um negro, Sterling K. Brown, de This Is Us, algo que não acontecia desde 1998 _Andre Braugher, por Homicide: Life in the Streets (1993-1999). Ovacionado de pé pelos colegas, Brown fez questão de lembrar a vitória de Braugher em seu discurso.

Lena Waithe levou para casa a estatueta de melhor roteiro de série cômica, por Master of None, também aplaudida de pé pelos convidados no Microsoft Theater, Lena foi a primeira mulher negra a conquistar essa categoria. Ela fez uns dos discursos mais fortes da noite, em defesa da comunidade LGBT.

Colocadas de escanteio em Hollywood, as diretoras tiveram uma vitória bem representativa. Fazia 22 anos que uma estatueta na categoria direção de série dramática não era entregue a uma profissional. O tabu foi quebrado por Reed Morano, pelo seu trabalho em The Handmaid’s Tale. Ela é apenas a terceira mulher a ganhar essa disputa em 69 edições do Emmy.

Empate
Duas atrações saíram como as grandes vencedoras da noite. A minissérie Big Little Lies e o drama distópico The Handmaid’s Tale ficaram com cinco estatuetas cada, dominando as categorias de seus respectivos formatos.

O drama da HBO levou os prêmios de melhor minissérie, direção e três de atuação (Nicole Kidman, Laura Dern e Alexander Skarsgard). Já Handmaid’s arrebatou melhor drama, direção, roteiro e duas estatuetas de atuação (Elisabeth Moss e Ann Dowd).

A grande surpresa da noite se deu na disputa entre os atores de melhor minissérie ou telefilme. Com sua primeira indicação no Emmy, Riz Ahmed (The Night Of) desbancou nomes tarimbados de Hollywood, como Robert De Niro, Ewan McGregor e John Tuturro. 

No quesito previsibilidade, Julia Louis-Dreyfus foi eleita a melhor atriz em série de comédia. Essa foi a sexta vitória seguida. Nunca uma atriz venceu tantas vezes defendendo um único personagem. Com oito estatuetas na conta, Julia empatou com Cloris Leachman no topo da lista de atrizes mais vitoriosas em sete décadas de Emmy.

TV aberta em alta
A NBC teve o melhor desempenho de uma TV aberta na noite principal do Emmy desde 2009, quando a própria rede abocanhou impressionantes oito estatuetas. Na noite de ontem, foram seis vitórias, a maioria carimbadas por Saturday Night Live, programa de esquetes quarentão que levou quatro prêmios (os outros ganhadores foram The Voice e This Is Us).

Esse número, porém, não foi suficiente para desbancar a HBO. Mesmo sem Game of Thrones na briga, o canal pago conquistou o primeiro lugar com dez estatuetas. Além das cinco de Big Little Lies, duas foram do programa de variedades Last Week Tonight, duas de Veep (incluindo melhor comédia) e uma de The Night Of.

Somente com Handmaid’s, a Hulu cravou a terceira colocação com cinco vitórias, à frente da Netflix, que fechou a noite com quatro: duas de Black Mirror, uma de The Crown e uma de Master of None.

Veja os vencedores das principais categorias do Emmy de 2017, em negrito:

Melhor série dramática
House of Cards (Netflix)
Better Call Saul (Netflix)
The Crown (Netflix)
This Is Us (Fox Life)
The Handmaid’s Tale
Stranger Things (Netflix)
Westworld (HBO)

Melhor série de comédia
Veep (HBO)
Silicon Valley (HBO)
Unbreakable Kimmy Schmidt (Netflix)
Blackish (Sony)
Modern Family (Fox Life)
Master of None (Netflix)
Atlanta (Fox Premium)

Melhor minissérie
Big Little Lies (HBO)
The Night Of (HBO)
Fargo
Feud: Bette and Joan (Fox Premium)
Genius (Nat Geo)

Melhor atriz em série dramática
Elizabeth Moss (Offred em The Handmaid’s Tale)
Robin Wright (Claire Underwood em House of Cards)
Claire Foy (Rainha Elizabeth II em The Crown)
Viola Davis (Annalise Keating em How to Get Away With Murder)
Keri Russell (Elizabeth Jennings em The Americans)
Evan Rachel Wood (Dolores em Westworld)

Melhor ator em série dramática
Bob Odenkirk (Saul Goodman em Better Call Saul)
Milo Ventimiglia (Jack Pearson em This Is Us)
Kevin Spacey (Frank Underwood em House of Cards)
Liev Schreiber (Raymond Donovan em Ray Donovan)
Matthew Rhys (Philip Jennings em The Americans)
Sterling K. Brown (Randall Pearson em This Is Us)
Anthony Hopkins (Robert Ford em Westworld)

Melhor atriz em série de comédia
Julia Louis-Dreyfus (Selina Meyer em Veep)
Allison Janney (Bonnie em Mom)
Ellie Kemper (Kimberly Schmidt em Unbreakable Kimmy Schmidt)
Tracee Ellis Ross (Rainbow Johnson em Blackish)
Jane Fonda (Grace Hanson em Grace and Frankie)
Pamela Adlon (Sam Fox em Better Things)
Lily Tomlin (Frankie Bergstein em Grace and Frankie)

Melhor ator em série de comédia
Anthony Anderson (Andre Johnson em Blackish)
Donald Glover (Earnest Marks em Atlanta)
Aziz Ansari (Dev em Master of None)
Jeffrey Tambor (Maura em Transparent)
William H. Macy (Frank Gallagher em Shameless)
Zach Galifianakis (Chip Baskets em Baskets)

Melhor atriz em minissérie ou filme
Nicole Kidman (Celeste Wright em Big Little Lies)
Jessica Lange (Joan Crawford em Feud: Bette and Joan)
Susan Sarandon (Bette Davis em Feud: Bette and Joan)
Reese Witherspoon (Madeline Mackenzie em Big Little Lies)
Carrie Coon (Gloria Burgle em Fargo)
Felicity Huffman (Jeanette Hesby em American Crime)

Melhor ator em minissérie ou filme
Robert De Niro (Bernie Madoff em The Wizard of Lies)
Riz Ahmed (Nasir Khan em The Night Of)
Ewan McGregor (Emmit e Ray Stussy em Fargo)
John Turturro (John Stone em The Night Of)
Geoffrey Rush (Albert Einstein em Genius)
Benedict Cumberbatch (Sherlock Holmes em Sherlock: The Lying Detective)

Melhor atriz coadjuvante em série dramática
Ann Dowd (Lydia em The Handmaid’s Tale)
Samira Wiley (Moira em The Handmaid’s Tale)
Chrissy Metz (Kate Pearson em This Is Us)
Thandie Newton (Maeve Millay em Westworld)
Millie Bobby Brown (Eleven em Stranger Things)
Uzo Aduba (Suzanne Warren em Orange Is the New Black)

Melhor ator coadjuvante em série dramática
John Lithgow (Winston Churchill em The Crown)
Jeffrey Wright (Bernard Lowe em Westworld)
Mandy Patinkin (Saul Berenson em Homeland)
David Harbour (Jim Hopper em Stranger Things) 
Ron Cephas Jones (William Hill em This Is Us)
Michael Kelly (Doug Stamper em House of Cards)
Jonathan Banks (Mike Ehrmantraut em Better Call Saul)

Melhor atriz coadjuvante em série de comédia
Anna Chlumsky (Amy Brookheimer em Veep)
Vanessa Bayer (vários personagens em Saturday Night Live)
Leslie Jones (vários personagens em Saturday Night Live)
Kate McKinnon (vários personagens em Saturday Night Live)
Judith Light (Shelly Pfefferman em Transparent)
Kathryn Hahn (Raquel Fein em Transparent)

Melhor ator coadjuvante em série de comédia
Tony Hale (Gary Walsh em Veep)
Ty Burrell (Phil Dunphy em Modern Family)
Louie Anderson (Christine Baskets em Baskets)
Tituss Burgess (Titus Andromedon em Unbreakable Kimmy Schmidt)
Matt Walsh (Mike McLintock em Veep)
Alec Baldwin (Donald Trump em Saturday Night Live)

Compartilhe: Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Twitter Compartilhe no Twitter

Curta no Facebook Curta no Facebook
Siga no Twitter Siga no Twitter

Leia também

Emilio Dantas em gravação de A Força do Querer: ator fará seu primeiro protagonista em 2018 - Mauricio Fidalgo/TV Globo

Exclusivo!

Em alta como Rubinho, Emilio Dantas substituirá Cauã Reymond em novela

Zeca (Marco Pigossi) só descobrirá que é pai de Ruyzinho (Lorenzo Souza) na última semana - Fotos Reprodução/TV Globo

TIRO, PORRADA E BOMBA!

A Força do Querer vai pegar fogo com duelo, morte e abortos

Gloria Pires será Elizabeth na próxima novela das nove da Globo, O Outro Lado do Paraíso - Fotos Raquel Cunha/TV Globo

O Outro Lado Do Paraíso

Depressão e alcoolismo: Missão de Gloria Pires em novela será sofrer

Irene (Débora Falabella) em cena; arquiteta exigirá luxo para atormentar rival na novela - Reprodução/TV Globo

Novela das nove

A Força do Querer: Irene exige imóvel de luxo e deixa Joyce furiosa

+ Lidas

1

Pênis ereto e sexo na piscina: Nova série da HBO pega pesado para chocar

2

A Dona do Pedaço: Vivi é abandonada no altar e humilhada por traição

3

‘Uma dor muito grande’, diz Gonçalves sobre processo contra Betti

4

A Dona do Pedaço: Após sexo com primo matador, Vivi dá fora em Chiclete

5

A Dona do Pedaço: Fabiana fica rica, arranca a máscara e apanha

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

ENQUETE

Enquete

Qual é seu casal favorito no Power Couple?

Últimas notícias

Geraldo Luis no antigo cenário do Domingo Show; programa voltará a ter palco e plateia - Reprodução/Record
Felipe Titto como Marley (2006) e Samurai (2016) em Malhação; após 10 anos, ator voltou bombado à novela - DIVULGAÇÃO/JOÃO MIGUEL JUNIOR/PEDRO CARRILHO
O atacante Radamel Falcao é um dos principais jogadores da Colômbia, que joga hoje (19) contra o Qatar - DIVULGAÇÃO/FEDERAÇÃO COLOMBIANA
Alfonso Herrera e Eréndira Ibarra formaram "trisal" em Sense8 e agora estão em Sitiados: México - Divulgação/FOX