Novela das nove

O Outro Lado do Paraíso: Samuel reata com Cido e arruma marido para Suzy

Reprodução/TV Globo

Samuel (Eriberto Leão) terminará com Suzy (Ellen Rocche) em O Outro Lado do Paraíso - Reprodução/TV Globo

Samuel (Eriberto Leão) terminará com Suzy (Ellen Rocche) em O Outro Lado do Paraíso

REDAÇÃO - Publicado em 21/03/2018, às 06h52

A recaída hétero de Samuel (Eriberto Leão) vai durar pouco, e ele reatará com Cido (Rafael Zulu) em O Outro Lado do Paraíso. Após trair o motorista com Suzy (Ellen Rocche), o psiquiatra perceberá que ainda gosta dele e arrumará um partido para a enfermeira. Helder (Carlos Bonow) será o escolhido para se casar com a loira e se surpreenderá com a proposta.

Depois de ser traído, Cido voltará a morar no apartamento de Samuel, que não perderá tempo em procurar o colega de profissão para oferecer à ex. "Deixa ver se entendi bem. Tá pedindo minha mão pra tua mulher?", perguntará Helder.

"Eu devia me sentir ofendida", reclamará Suzy. "Garanto que não se sente nem um pouco ofendida, Suzy. Pensei bem, doutor Helder. É um bom médico, tem uma excelente carreira. Mora bem. É maluco pelos pés da Suzy. Vocês dois têm tudo para dar certo", concluirá o psiquiatra.

"Estou furiosa. O dia que precisar de marido arrumo eu mesmo, Samuel", protestará a loira. "Pera aí, Suzy. O que ele diz faz sentido. Mas você é casado com ela, doutor Samuel", estranhará o personagem de Carlos Bonow.

"Ele é e não é. Desde ontem não sou mais a oficial. O Cido voltou a morar no apartamento. E ele voltou pro quarto do Cido", explicará a enfermeira. "Você é um bom sujeito. Será uma boa influência para minha filha. Me preocupei com isso também", argumentará Samuel.

"Se o mundo fosse realmente civilizado, todos casais se comportariam assim. O marido arrumaria o próximo marido para a mulher. E a mulher arrumaria a próxima mulher, ou seja o que for, para o marido. Veja bem. Eu conheço seus defeitos, preferências. Não deixo cair numa roubada", continuará o personagem de Eriberto Leão.

"Agradeço não me considerar uma roubada", dirá Helder. "A Suzy continua em meu apartamento até se casar com você. Terá o melhor tratamento do mundo. Comerá bem, terá belas roupas, será tratada como uma rainha", prometerá o filho de Adnéia (Ana Lucia Torre).

Samuel, então, combinará de dividir a guarda da filha com Suzy. "Eu proponho a guarda compartilhada. Assim que for possível ela passa alguns dias da semana com você e alguns dias comigo. Decidimos isso no divórcio", ponderará o psiquiatra.

"Caso. Mas vou sentir saudades de você, Tigrete", aceitará Suzy. "E não me chama de Tigrete!", reclamará Samuel.

Quem não gostará nada da ideia será Adnéia. A mãe do psiquiatra, que estava convicta de que a "cura gay" funcionaria com seu filho, tentará convencer a enfermeira a não desistir.

"Pouco a pouco, a cura gay aconteceu. Mas não se curou totalmente ainda. Entenda Suzy, é como alguém que fica gripado. A gripe passa, mas de vez em quando a pessoa dá uns espirros. Ele não te traiu, Suzy. Foi só um espirro", justificará ela.

A enfermeira, no entanto, seguirá o plano de se casar com Helder, e a homofóbica terá que se conformar com a reconciliação de Samuel e Cido.

"Oh, céus, oh céus. Quem me enganou com essa história de cura gay? Quem me enganou? Eu devia processar quem me enganou com essa história de cura gay. Uma mãe não merece ter tanta esperança perdida!", lamentará.

As cenas irão ao ar a partir do dia 20 de abril em O Outro Lado do Paraíso.

 

 

Últimas de O Outro Lado do Paraíso

Enquete

Qual protagonista de Deus Salve o Rei você mataria?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook