Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

RÉPLICA

Walcyr Carrasco rebate Taís Araujo e nega ter escrito cena de sexo anal

VICTOR POLLAK/TV GLOBO

Walcyr Carrasco posa com terno preto, óculos de grau e braços cruzados

Walcyr Carrasco rebate críticas de Taís Araujo sobre bastidores de Xica da Silva (1997)

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 16/11/2021 - 17h49

Walcyr Carrasco negou ter escrito cena de sexo anal para Taís Araujo em Xica da Silva (1997). O autor da Globo rebateu a intérprete, que contou ter levado uma bronca nos bastidores do folhetim quando se recusou a gravar a sequência íntima. Ele questionou o relato da atriz e lembrou que sequer teve contato com o elenco na época. 

"Eles nem mesmo sabiam meu nome. Só no final da novela os conheci em uma única passagem pelo estúdio. Nunca soube sequer dessa cena. Eu só escrevia. Mas acho que essa cena nunca existiu, eu certamente não escrevi", disse em entrevista ao NaTelinha. Para escrever o folhetim da Manchete, Carrasco usou o pseudônimo Adamo Angel, já que era contratado do SBT na época.

No Roda Viva da noite de segunda-feira (15), Taís expôs uma situação difícil que vivenciou no set de filmagem. Segundo ela, Walter Avancini (1935-2001) e Walcyr Carrasco disseram que a personagem seria transformada em uma "Maria Chiquinha" caso não fosse retratada durante o sexo anal. 

Na época, a atriz disse à Folha de S.Paulo que não gostaria de interpretar Chica da Silva (1732-1796) pelo ponto de vista erótico, e Carrasco argumentou afirmando que seria ingênuo negar que uma mulher negra e do garimpo não passaria pela cama do homem que a atraísse.

"Ela aceitou o papel, onde sabia das cenas sensuais e concordou com isso. Então, não vejo sentido no que ela está dizendo. Mas eu não estava no set de gravação, não posso opinar sobre pressões que ela alega ter sofrido ou não. Lamento muito se ela ficou com uma cicatriz. Dor é dor", finalizou. 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.