Programa da Maisa

Oscar Filho vira 'unicórnio' no SBT e dá assistência a Maisa em novo programa

Divulgação/SBT

Oscar Filho durante a coletiva de imprensa para apresentação do Programa da Maisa, novidade do SBT - Divulgação/SBT

Oscar Filho durante a coletiva de imprensa para apresentação do Programa da Maisa, novidade do SBT

FERNANDA LOPES - Publicado em 13/03/2019, às 06h01

Novo contratado do SBT, Oscar Filho estreia neste sábado (16) no Programa da Maisa, em que terá interações com ela e seus convidados. No talk show, Filho aparecerá vestido como um unicórnio e fará comentários espirituosos com a apresentadora. Além das brincadeiras da atração, ele já foi zoado até pela direção do SBT.

"A pitada de humor é por conta do Oscar. A gente fez o convite a ele. Por que o Oscar? Porque ele estava desempregado", disse Fernando Pelegio, diretor artístico da emissora, em tom de brincadeira, durante o lançamento da atração.

"Oscar tem humor físico, é homem, a gente achou que ter homem como contraponto é muito legal. Ele tem a propriedade de falar com os olhos. E a Maisa é muito inteligente, perspicaz. Ela vai ser a dose de inteligência, Oscar não", riu o executivo.

A ideia é que Oscar Filho participe com sacadas de humor em meio às entrevistas e quadros de Maisa, que receberá dois convidados famosos a cada episódio. Até a própria apresentadora, que tem 16 anos, fez graça do colega de 40.

"Oscar não tem a minha idade, quando soube a idade dele fiquei chocada. Tem coisas que ele fala no programa, tipo fita cassete... Ele poderia ser minha mãe", disse ela, que arrancou risos da plateia. Depois, tentou consertar. "Minha mãe não é velha, mas uma pessoa que tem uma filha de 16 anos é um pouco velha", desconversou. 

Apesar das brincadeiras, o humorista afirma que foi muito bem recebido no programa e que sua parceria com Maisa tem fluído muito bem. Ele diz que já acompanhava a carreira da nova colega de cena desde que ela tinha seis anos. Na época, Maisa ganhou destaque no Programa Silvio Santos e constantemente ia parar no Top 5 do CQC (2008-2015), programa em que ele ganhou fama. 

"No CQC sacaneavam muito ela, chamavam de menina monstro, e eu não chamava. A gente achava que ela era um anão, na verdade. Quando eu conheci a Maisa, ela tinha 12 anos, e eu disse exatamente o que eu falei pra ela agora: 'Maisa, você é f***'. Depois pensei se devia ter falado isso pra uma menina de 12 anos. Mas daí ela falou 'você também', então tá bom", lembrou.

"Mas foi tudo muito rápido, eu cheguei aqui no SBT e já estava rolando o projeto. E isso é bom, eu fiquei muito surpreso. A gente gravou o segundo programa esses dias e foi tão legal, está rolando muito bem essa interação com a Maisa. A gente não precisou construir uma interação, já rolou, está muito natural. Foi uma empatia. Um acerto do SBT ter me chamado", concluiu, aos risos.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual sua novela preferida atualmente?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook