Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

alarma TV

SBT cancela telejornal bizarro apenas um dia após estreia e desastre no Ibope

Reprodução/YouTube

Janice Villagrán e Sergio Catalan apresentam o Alarma TV

Janice Villagrán e Sergio Catalan apresentam o Alarma TV, considerado o telejornal mais violento do mundo

REDAÇÃO

Publicado em 2/10/2019 - 10h53

O SBT cancelou o telejornal Alarma TV após apenas um dia de exibição nesta quarta-feira (2). O programa bizarro, considerado o mais violento do mundo, derrubou a audiência da emissora, que ficou atrás da Globo, da Record e da Band no horário ontem (1º). Apresentada pela norte-americana Janice Villagrán e pelo mexicano Sergio Catalan, a atração foi exibida na faixa das 19h20 às 19h45, antes do SBT Brasil.

O Alarma TV é de deixar os telespectadores realmente alarmados. Considerado pela crítica internacional como o "telejornal mais violento do mundo", o enlatado norte-americano não poupa a audiência de cenas bizarras, como o vídeo de um carro explodindo quatro soldados exibido logo no início do programa.

Os apresentadores, sem muitas informações precisas sobre os protagonistas de cada situação, tecem comentários vazios e tentam amenizar o show de horrores com falas supostamente engraçadas.

Logo na estreia, os telespectadores estranharam a nova atração e criticaram muito nas redes sociais. Veja alguns comentários do Twitter:

Reportagem de verdade não existe no Alarma TV. Embora o site oficial do programa diga que trabalhe com correspondentes em toda a América Latina, seu conteúdo é um grande compilado de vídeos bizarros que circulam pela internet ou nos grupos de WhatsApp, mas apresentados como material jornalístico.

A diferença é que lá nos Estados Unidos, o programa é exibido às 22h. Aqui no Brasil, Silvio Santos ordenou que ele entrasse no ar antes do SBT Brasil para "esquentar" seu principal telejornal.

Para ter uma ideia, em uma "reportagem", uma mulher rebola e se esfrega sobre o corpo de um defunto em um caixão. Nenhuma informação é fornecida ao telespectador. Quem são a dançarina e o morto, onde e quando a cena foi registrada, ou o desfecho do ato. A apresentadora, ao final do vídeo, tenta fazer graça. "Será que assim ele se levanta?", provoca a apresentadora, aos risos.

Em outra, uma briga de bar acaba com um grupo de rapazes se agredindo. A violência aumenta a ponto de alguns deles quebrarem garrafas de vidro nas cabeças de seus rivais. "Além de bêbados, têm a cabeça dura", comentou o apresentador, fazendo piada com uma situação tensa.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?