Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

15 ANOS DA TRAGÉDIA

Qual foi a causa da morte de Bussunda, astro do Casseta & Planeta?

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

O ator e humorista Cláudio Besserman Viana, o Bussunda, em entrevista ao Memória Globo em 2002; comediante teve um infarto em 2006

Cláudio Besserman Viana, o Bussunda, em entrevista ao Memória Globo em 2002

KELLY MIYASHIRO

kelly@noticiasdatv.com

Publicado em 16/6/2021 - 12h00

Cláudio Besserman Viana (1962-2006), o Bussunda, morreu de infarto em 17 de junho de 2006. O humorista do Casseta & Planeta acompanhava a Copa do Mundo na Alemanha em Vaterstetten (a 16 quilômetros de Munique) e não resistiu a uma parada cardíaca. O Globoplay lança nesta quinta-feira (17), aniversário de 15 anos da morte do comediante, o documentário Meu Amigo Bussunda.

Aos 43 anos, Bussunda estava com amigos e colegas do humorístico Casseta & Planeta, Urgente! (1992-2010), da Globo, no hotel Erb Best Western, no bairro de Parsdorf, em Vaterstetten. No dia anterior à sua morte, o ator teve um mal-estar enquanto jogava uma partida de futebol, mas dispensou atendimento médico.

Ao acordar no dia seguinte, o humorista começou a passar mal durante o café da manhã e teve uma parada cardíaca. Paramédicos estavam hospedados no mesmo hotel que o grupo, fizeram primeiros socorros, com massagem cardíaca por cerca de uma hora, mas sem sucesso. 

Bussunda completaria 44 anos em 25 de junho, mas morreu oito dias antes (17 de junho), às 8h30 no horário local (3h30 no horário de Brasília). O funcionário da Globo deixou a mulher, a jornalista Angélica Nascimento Souza, com quem era casado desde 1989, e a filha, Júlia Besserman, que tinha apenas 12 anos na época. 

Estrela de paródias, esquetes, e intérprete de personagens icônicos da TV brasileira, como Ronaldo Fofômeno (sátira de Ronaldo Fenômeno), Bussunda foi enterrado no Cemitério de São João Batista, no Rio de Janeiro. 

O sepultamento de Besserman causou polêmica com sua família judia, que discordou da decisão da viúva do comediante de enterrá-lo em um cemitério cristão. 

Morte fake 

Em 2003, quando ainda não existia a popularidade do termo fake news, Bussunda foi alvo de um boato falso espalhado na internet que dizia que ele havia morrido e que a Globo estava até escondendo a fatalidade. Um site de humor mórbido realizou um "bolão pé na cova", em que leitores apostavam em qual famoso ia morrer até o próximo ano, 2004, e o carioca ocupou o topo do ranking.

Em resposta, os próprios membros do Casseta & Planeta brincaram com a morte do humorista em 2003, numa piada noticiada na própria página oficial do grupo. A reportagem trazia, além do "anúncio", uma entrevista post mortem com o humorista, realizada através da "brincadeira do copo". 

Na piada, Bussunda declarava que o paraíso "é maneiro, se vocês soubessem como é, iam morrer de inveja". Bussunda também não se incomodou em posar para uma foto dentro de um caixão.

Meu Amigo Bussunda

Projeto idealizado e produzido por Claudio Manoel, amigo e colega de elenco no Casseta & Planeta, Meu Amigo Bussunda estreia nesta quinta-feira (17) no Globoplay. A data marca os 15 anos da morte de Cláudio Besserman Vianna, e a série conta com depoimento de familiares, amigos e conhecidos do comediante.

Enquanto a direção geral dos três primeiros capítulos é de Manoel, que dividiu roteiro e direção com Micael Langer, o quarto e último foi dirigido por Júlia Besserman, filha de Bussunda. A produção é assinada por Emoções Baratas e Kromaki. 


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Sem barracos, Liziane frustra público e é eliminada; veja trajetóriaComo Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de Pantanal

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?