Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

DO TV MULHER

Pioneira do feminismo na TV, jornalista Xênia Bier morre aos 84 anos

REPRODUÇÃO/MEMÓRIA GLOBO

Imagem mostra Xênia Bier, apresentadora pioneira do feminismo na TV brasileira e que morreu aos 84 anos

Xênia Bier na TV Mulher, da Globo; pioneira do feminismo na TV, apresentadora morreu nesta segunda (24)

REDAÇÃO

Publicado em 24/8/2020 - 18h26

Pioneira do feminismo na TV brasileira, a apresentadora Xênia Bier morreu nesta segunda-feira (24), aos 84 anos, devido a complicações causadas pelo mal de Alzheimer. Ela estava internada há alguns dias em uma clínica em São Paulo e sofreu queda na pressão pulmonar por conta da evolução da doença. Não há informações sobre o velório.

Nascida em São Paulo, em 1935, Xênia Bier, cujo nome real é Vilma Barreto, era atriz, jornalista e foi uma importante apresentadora de TV. Ela teve passagens em várias emissoras e é considerada a primeira feminista assumida da televisão brasileira; destacou-se por debater temas polêmicos e derrubar tabus na frente das câmeras.

Seu primeiro trabalho foi na TV Cultura, na qual apresentou o Light Convida nos anos 1950. Depois, tentou a carreira de atriz e atuou na década de 1960 nas novelas Escrava do Silêncio (1965), O Moço Loiro (1965) e As Professorinhas (1968).

Mas a jornalista se notabilizou mesmo pelas opiniões marcantes nos programas de TV. Fez muito sucesso à frente do Xênia e Você, exibido na Band, e mais tarde, no início da década de 1980, teve participação de destaque no TV Mulher, da Globo, que também contava com Marília Gabriela e Marta Suplicy.

Em seguida, passou pelo Mulher 88, da Rede Manchete, e o tradicional Mulheres, da TV Gazeta. No rádio, esteve na Bandeirantes e Capital. Nos últimos anos, afastada da TV, a jornalista escreveu textos para os sites Ana Maria e M de Mulher, ambos direcionados ao público feminino. A apresentadora deixa a filha, Daniela, e uma neta.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?