Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

EMBATE

Luan Santana vira arma secreta da Globo para enfrentar Netflix no streaming

Divulgação/Globoplay

Luan Santana durante apresentação de Viva à imprensa: show será exclusivo do Globoplay - Divulgação/Globoplay

Luan Santana durante apresentação de Viva à imprensa: show será exclusivo do Globoplay

KELLY MIYASHIRO e LUCIANO GUARALDO

Publicado em 23/8/2019 - 5h10

Nesta sexta-feira (23), o Globoplay inaugura uma nova área de conteúdo em seu catálogo: além de novelas, séries, filmes e jornalismo, o streaming disponibilizará shows exclusivos. E, para estrear com o pé direito, apostou em Luan Santana para estrelar o espaço: o cantor estará no serviço com seu novo DVD, Viva, gravado em Salvador.

"Esse DVD é uma história de amor, e o Globoplay abraçou esse projeto de uma forma linda", comemorou Luan na apresentação à imprensa realizada na noite de quinta (22). A gravação do show Viva ocorreu em Salvador em maio deste ano, para uma plateia de aproximadamente 20 mil pessoas.

O cantor valorizou a parceria entre o serviço de streaming e a Som Livre, braço musical do Grupo Globo --ele é contratado da gravadora há dez anos. Por causa do acordo de exclusividade, os fãs do sertanejo poderão conferir o sexto DVD da carreira de Santana somente no Globoplay.

O investimento em shows exclusivos será uma das apostas do Globoplay para enfrentar a Netflix. Depois de Luan Santana, virá Marília Mendonça, cujo projeto Todos os Cantos será lançado em 13 de setembro. Na página da plataforma, também estão listados Jorge & Mateus, Thiaguinho, Maiara & Maraisa e Tiago Iorc --o último é um nome inusitado, já que também estará na MTV com o Acústico.

Antes, na seção de música do Globoplay, só era possível encontrar programas do gênero, como o SóTocaTop e o Som Brasil, especiais de fim de ano de Roberto Carlos desde 2010 e a cobertura da Globo para o Carnaval ou o Lollapalooza.

Na Netflix, a seção de música tem foco em artistas internacionais, como Taylor Swift, Justin Timberlake e Bruce Springsteen, em detrimento da música nacional. Contar com nomes brasileiros é um diferencial do streaming da Globo.

Juntos (e shallow now), mas separados

O novo trabalho de Luan Santana vem após a polêmica dele com Paula Fernandes. O cantor "furou" a gravação do DVD da colega. Paula, que compôs a versão brasileira de Shallow, música da trilha sonora de Nasce Uma Estrela (2018), convidou Luan para ser seu "Bradley Cooper" na canção Juntos, enquanto ela ocuparia o posto da cantora norte-americana Lady Gaga.

A assessoria dele informou para veículos de imprensa, na época, que houve uma falha na comunicação, e que Luan Santana nunca chegou a confirmar presença na gravação do DVD. Por causa de sua agenda, o cantor estaria de férias e viajando para o exterior na data escolhida por Paula para seu show.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?