Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ARQUIVO CONFIDENCIAL

Ingrid Guimarães chora no Faustão e revela discriminação por ser 'feia'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Ingrid Guimarães no Arquivo Confidencial deste domingo (27), no programa do Faustão, na Globo

Ingrid Guimarães no Arquivo Confidencial deste domingo (27): atriz de Bom Sucesso se emocionou

REDAÇÃO

Publicado em 27/10/2019 - 19h12
Atualizado em 28/10/2019 - 10h15

Homenageada no Arquivo Confidencial do último Domingão do Faustão, Ingrid Guimarães chorou e revelou que sofreu preconceito por ser considerada feia em seu início de carreira como artista. Suas irmãs, Sigrid e Astrid Guimarães, deram depoimentos sobre as dificuldades que ela enfrentou por ter um problema no queixo, que foi corrigido com cirurgia.

"Sou de uma família árabe. Eu era prognata, que é quando essa parte do maxilar é pra frente. É esteticamente difícil e atrapalha a falar também. Mas a minha família sempre dizia que eu era muito talentosa e que eu ia conseguir", disse Ingrid.

"Lembro de todos os 'nãos' que ela tomou porque era feia, porque o nariz não era bom. Ela estudava muito pra poder conseguir o lugar dela. O 'não' ajudou muito ela a crescer", contou Sigrid, emocionada. "Ela fez uma cirurgia no queixo e hoje está nesse lugar glamouroso, fico muito feliz com isso", se derreteu Astrid.

Ingrid conta que a relação com o ator de humor mudou nos últimos anos. "Fiz uma novela aqui [na Globo], que era Por Amor [1997], e eu era empregada e falava duas palavras a novela inteira. As comediantes falavam duas palavras, não eram as protagonistas. Ou eram as gostosas ou eram as ferias", comentou a atriz.

"Eu chegava aqui para fazer teste e falavam que eu era exótica, que é uma palavra bonita pra dizer que eu não era bonita", reclamou. "Mas o teatro, com a Heloísa Périssé, me ensinou a focar nos textos. Duvidei muitas vezes de mim, mas essa era minha história e deu certo".

Além das irmãs, a homenageada também se emocionou com a declaração da avó, Ássima Agel, de 97 anos. A protagonista da franquia De Pernas Pro Ar disse que ficou feliz quando conseguiu chegar à televisão porque sua avó sempre foi noveleira.

Ingrid está no ar como Silvana Nolasco em Bom Sucesso. "Entrei tarde na televisão, mas a minha família sempre me apoiou. Eu percebi que a beleza está na gente, está em como a gente se enxerga. Hoje, quando me chamaram pra fazer esse papel [em Bom Sucesso], de musa, rainha de bateria e par com Romulo Estrela, eu pensei: 'Tá vendo? Quem precisa de beleza?'", brincou a atriz.

A comediante também recebeu homenagens do marido, René Machado; da filha, Clara Guimarães Machado; da mãe, Sônia Agel; e um áudio da amiga, Heloísa Périssé, que está em tratamento contra um câncer nas glândulas salivares, e agradeceu pelo apoio de Ingrid nesse momento difícil.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?