MICHELLE SAMPAIO

Globo nega que apresentadora tenha sido demitida por estar gorda

Reprodução/Rede Vanguarda

Michelle Sampaio em entrada ao vivo no Jornal Vanguarda, telejornal local que corresponde ao SP2 - Reprodução/Rede Vanguarda

Michelle Sampaio em entrada ao vivo no Jornal Vanguarda, telejornal local que corresponde ao SP2

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 24/03/2019, às 16h46

Um dia depois de a apresentadora Michelle Sampaio ter declarado que a Rede Vanguarda, afiliada da Globo no Vale do Paraíba, a demitiu por estar acima do peso, a emissora negou que esse tenha sido o motivo do desligamento da jornalista. Segundo a Globo, esse tipo de conduta é "incompatível com a política de respeito" adotada pela casa, mas a empresa não informou a real justificativa para demitir a profissional, que estava há 16 anos na Vanguarda.

"A TV Globo e a TV Vanguarda informam que não é verdade que a razão para o fim do contrato mencionado seja a que foi publicada na reportagem 'Apresentadora da Globo é demitida por ficar gorda depois de gravidez'. Tal conduta é incompatível com a política de respeito absoluto a seus profissionais adotada pela TV Globo e pela TV Vanguarda", informou a Globo na tarde deste domingo (24) por meio de nota enviada ao Notícias da TV.

Em um post realizado na manhã de sábado (23) em seu perfil no Instagram, Michelle alegou que foi demitida da Vanguarda porque não conseguiu perder os quilos que havia adquirido durante sua gravidez, em 2016. Ela passou de âncora de telejornal para um trabalho nos bastidores até ser desligada de vez.

A pressão que a Globo e seus afiliadas exercem sobre âncoras de telejornais e repórteres que aparecem no vídeo, especialmente as mulheres, para que elas estejam sempre no peso certo e com visual impecável é tema recorrente nos bastidores, mas é raro que alguma jornalista fale sobre o tema. Michelle decidiu abrir o jogo em seu desabafo.

"Como muitos sabem e me acompanham, há dois anos entrei numa briga com a balança depois de ter engordado muito na gravidez. Por estar acima do peso, fiquei um bom tempo trabalhando nos bastidores, cheguei a emagrecer um pouco, voltar pra reportagem e apresentação do jornal, mas saí do 'vídeo' novamente porque nunca de fato voltei ao peso antes da gravidez, que foi o pedido da emissora."

Ao jornalista Mauricio Stycer, do UOL, Michelle disse que não acha que sua demissão tenha sido motivada por preconceito. "Eles têm padrões. Acho apenas que poderiam ter me dado a chance de fazer o meu trabalho", disse.

Depois do desabafo de Michelle, a ex-colega de emissora Amanda Costa disse que passou pela mesma situação na Vanguarda depois de sua gravidez. "Sei bem o que ela estava vivendo. Passei por isto quando voltei da licença-maternidade após ter meu filho, tanto que pedi demissão e voltei dois anos depois, quando estava mais 'magra' e 'apta' para voltar ao vídeo", escreveu Amanda.

Ela ainda citou que as duas não foram as únicas a sofrerem esse tipo de "retaliação" da emissora por estarem acima do peso --e que o preconceito não acontece apenas com as mulheres. "Tem o caso, ainda em andamento, da repórter que está fora do vídeo pelo mesmo motivo. E o do repórter que fez até uma cirurgia bariátrica para não perder o emprego. Tanto tempo passou e a empresa de 'Vanguarda' não mudou", provocou Amanda, sem citar nomes.

Michelle Sampaio foi contratada pela Vanguarda em 2003, depois de se formar em Jornalismo e de fazer um intercâmbio na Nova Zelândia. Destacou-se na cobertura esportiva de times da região de São José dos Campos e Taubaté, e rapidamente cresceu na emissora, tornando-se apresentadora do Vanguarda TV 2ª Edição, além de ser repórter especial e fazer entrevistas para o Vanguarda Comunidade.

Fora da Vanguarda, ela pretende se dedicar à Comunicarte, especializada em treinamentos de comunicação. Michelle é sócia-proprietária da empresa. E comemora que vai ter mais tempo para ficar com a filha, Antonella.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual sua novela preferida atualmente?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook