Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

QUEBRA DE CONTRATO

Galvão Bueno critica ato da seleção brasileira nas Olimpíadas: 'Lamentável'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Galvão Bueno em cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos: narrador usa camisa e terno azul com o logo do Globo, gesticula com as mãos e tem expressão séria

Galvão Bueno comentou ato da seleção brasileira no encerramento dos Jogos Olímpicos

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 8/8/2021 - 9h30

Galvão Bueno criticou o ato da seleção brasileira masculina de futebol de subir ao pódio das Olimpíadas de Tóquio sem o uniforme completo do time Brasil. A equipe campeã desrespeitou o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) ao comemorar a medalha de ouro com a camisa da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos, que acontece neste domingo (8), o narrador deu sua opinião sobre o episódio de ontem. No fim do jogo Brasil x Espanha, os atletas subiram ao pódio com a calça do agasalho, a camisa da CBF e o casaco do patrocinador das Olimpíadas amarrado na cintura.

O ato desrespeitou o contrato da Peak com o COB. A empresa chinesa tem um acordo com o órgão brasileiro no qual exige que todos os atletas do time Brasil usem o uniforme completo da marca nas cerimônias de premiação. 

"Eu gostaria muito de saber de onde partiu a decisão de não usar o uniforme inteiro do Comitê Olímpico Brasileiro, amarrar na cintura o casaco e usar a camisa da Confederação Brasileira de Futebol. Profundamente lamentável a atitude do futebol, não sei de quem partiu", comentou o funcionário da Globo.

Lucas GUIMARÃES/CBF 

Atletas brasileiros no pódio de futebol 

O narrador também apoiou o posicionamento do nadador Bruno Fratus nas redes sociais. Na madrugada deste domingo (8), o medalhista de bronze nos 50m livre criticou o ato da seleção e apontou que os atletas foram "desconexos e alienados": 

A mensagem foi clara: não fazem parte do time e não fazem questão. Também estão completamente desconexos e alienados [sobre] as consequências que isso pode gerar a inúmeros atletas que não são milionários como eles.

Galvão lembrou que o ato dos jogadores de futebol pode acarretar em alguma consequência para os atletas do time Brasil que somente possuem o patrocínio da Peak. 

"O Fratus quando disse que eles foram inconsequentes está certo, porque isso pode prejudicar muito essa sequência dessas pessoas, esses atletas que precisam muito desse amparo de patrocínio. Brilhante a conquista do futebol, fantástica. Lamentável a atitude de não usar o uniforme que seria a obrigação de usar para receber a medalha de ouro", finalizou o narrador. 

O comitê brasileiro também se pronunciou sobre o assunto com uma nota oficial. No comunicado, o órgão reforçou que irá tomar medidas cabíveis para punir o ato. No entanto, o COB não fará isso agora por conta do encerramento dos Jogos Olímpicos.

Confira o texto na íntegra:

O Comitê Olímpico do Brasil repudia a atitude da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e dos jogadores da seleção de futebol durante a cerimônia de premiação do torneio masculino.

No momento, as energias do Comitê estão totalmente voltadas para a manutenção dos trabalhos que resultaram na melhor participação brasileira na História das Olimpíadas.

Por este motivo, apenas após o encerramento dos Jogos o COB tornará públicas as medidas que serão tomadas para preservar os direitos do Movimento Olímpico, dos demais atletas e dos nossos patrocinadores.


Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Elenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novelaOutubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreram

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas