Carmen Virginia

Fã de Silvio Santos, chef ganha emprego no SBT e revela: 'Vendia Carnê do Baú'

Divulgação/SBT

A chef Carmen Virgínia, que é jurada do Famílias Frente a Frente, novo reality show do SBT

A chef Carmen Virgínia, que é jurada do Famílias Frente a Frente, novo reality show do SBT

FERNANDA LOPES - Publicado em 04/10/2019, às 05h16

A chef de cozinha Carmen Virgínia está emocionada por estrear em um programa do SBT. Dona de um restaurante no Recife, Pernambuco, ela começou sua carreira na TV como jurada de um programa do GNT, mas surtou ao ser convidada para o elenco de Famílias Frente a Frente, novo reality show do SBT. Carmen confessa que sempre foi muito fã de Silvio Santos e até já vendeu carnês do Baú da Felicidade.

"Antes de partir pra carreira profissional dentro da cozinha, eu vendia Carnê do Baú. [Na infância] Minha avó terminava de pagar os carnês e me levava numa loja pra trocar por ventilador, liquidificador. Essa é a minha vida. Eu sempre presenciei Silvio Santos dentro da minha casa aos domingos", conta.

Carmen ficou tão tomada pela euforia ao ser convidada para ser jurada do programa culinário que até duvidou que fosse verdade. Ligou para uma amiga bem famosa para confirmar se Tiago Abravanel estava mesmo desenvolvendo um novo reality no SBT.

"Quando eu recebi a ligação [convidando para participar do programa], eu não acreditei. Pedi pra ligarem depois de dez minutos. Eu dava tanto grito dentro de casa! Liguei pra Taís Araújo e disse: 'Taís do Céu, ligou alguém, eu acho que é trote. Não pode ser verdade esse negócio, esse povo não vai me botar numa TV aberta pra eu falar sobre comida, não é possível. Liga pra Tiago e pergunta se é verdade'", falou.

Tiago Abravanel confirmou, e hoje Carmen se sente muito feliz por estar representando as mulheres negras e de origem humilde na TV e por ter tido seu trabalho em outro canal reconhecido.

Antes do SBT, ela foi jurada do programa Cozinheiros em Ação, cujo formato tem semelhanças com o Famílias Frente a Frente. No reality do GNT, duas duplas de cozinheiros parentes fazem seus pratos durante o programa e disputam para conquistar o paladar dos chefs jurados.

Já no reality de Tiago Abravanel, a disputa também é para ver quem faz a melhor comida caseira do Brasil, mas são seis famílias (com quatro integrantes cada) que se enfrentam, em duas provas a cada episódio.

Carmen ficou na dúvida sobre a veracidade do projeto, porque não achava que uma mulher como ela pudesse ter a chance de ocupar um espaço de destaque num programa de TV aberta. Agora, ela afirma que não faz parte de uma cota para negros no reality, que a pluralidade e a diversidade também poderão ser vistas nos participantes e que tem muito orgulho de ser uma representante do povo no reality.

"Eu tô muito feliz de representar minha favela, pra que toda mulher preta saiba que ela pode estar onde ela quiser, que pode ser o que ela quiser. Se você dá luz pra alguém da comunidade, com certeza você tá dando luz ao universo. Estou aqui fazendo esse papel, tenho certeza absoluta de que, na hora em que meu patrão Silvio Santos me vir, ele que vai querer me conhecer", acredita.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está curtindo o programa Se Joga?
Sim, é divertido e leve.
22.27%
Não é horrível, mas também não é bom.
26.34%
Não, achei muito ruim, uma vergonha.
27.00%
Prefiro A Hora da Venenosa.
24.40%

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook